Apple iPhone android smartphones vida amorosa tecnologia
O impacto dos smartphones e da tecnologia na nossa vida e no dia a dia será um dos temas abordados. ©reuters

Começa na próxima segunda feira, dia 4 de junho, a WWDC 2018, a conferência anual dedicada aos programadores de software para dispositivos da Apple. Chama-se World Wide Developers Conference e é um dos pontos altos do ano para o mundo da tecnologia. Agora, a Bloomberg revela o tema central desta conferência.

Para todo e qualquer entusiasta de tecnologia, seja ou não utilizador de dispositivos Apple (iOS, macOS, watchOS ou tvOS), teremos novidades. Em seguida abordaremos cada um destes formatos, dando a conhecer tudo aquilo que poderá ser apresentado.

Vê ainda: Apple introduzirá o ”Dark Mode” para o macOS 10.14 na WWDC 2018

Em primeiro lugar, tal como nota a Bloomberg, a Apple tem sido criticada pela natureza algo vaidosa do seus dispositivos móveis. Posto isto, a empresa liderada por Tim Cook abordar em primeiro lugar os seus planos para combater algumas das recentes preocupações com a tecnologia.

Mais concretamente, a dependência dos nossos dispositivos móveis para todo e qualquer tipo de tarefa. Um autêntico vício que tentará ser mitigado com a introdução de novas funções para o software dos nossos iPhones.

O vício na tecnologia, no ecrã e na Web como tema central da WWDC 2018 – Bloomberg

A conferência WWDC 2018 dar-nos-á a conhecer tudo aquilo que tem vindo a ser desenvolvido pela Apple relativamente ao seu software. Teremos aí um vislumbre das suas ambições futuras para o hardware, sempre sem perder o foco no software, tema central de todo o evento. Por norma temos melhorias para o sistema operativo presente no iPhone, iPad, Mac, Apple Watch, Apple TV, etc. São novas funções que nos deixarão mais colados ao ecrã, ao sofá ou à cama, consoante o tipo de utilização de cada pessoa.

iOS iPhone Apple iPad WWDC 2018 Bloomberg  tecnologia
Passamos cada vez mais tempo presos ao ecrã, um hábito pouco saudável.

Todavia, na WWDC 2018 a preocupação será exatamente a oposta. Passar menos tempo à frente do nosso iPhone, do nosso computador (contra mim falo), ou outro dispositivo.

Para tal a Apple implementará no software de sistema novas funções para vigiarmos de perto os nossos hábitos de utilização da tecnologia. Para sabermos exatamente quanto tempo passados imóveis, a olhar para um ecrã.

Saúde digital e consciência digital, a preocupação da Apple

Acredita-se que nesta WWDC seja apresentada uma nova iniciativa, a Saúde Digital ou Digital Health. Aí, teremos uma série de ferramentas para nos ajudar a controlar um vício já descontrolado.

Algo que deverá estar presente dentro do iOS 12, dentro das Definições deste sistema operativo para iPhone e iPad. Este último ponto foi bastante vincado pela Bloomberg.

Bloomberg WWDC 2018 Apple Watch Series 3 Apple iPhone X Android tecnologia
A saúde passa não só pelo exercício físico mas também pelo bem-estar mental.

Citando uma fonte familiar com os planos da Apple, a Bloomberg avança o seguinte. “Precisamos de ter as ferramentas e informações necessárias para perceber como é que consumimos conteúdos multimédia”. Declarações de Tony Fadell, um dos antigos executivos da Apple, envolvido no desenvolvimento do iPhone original e do iPod.

Segundo esta fonte da Bloomberg, o nosso smartphone passou a ser um vício. Uma preocupação e não só uma ferramenta ou gadget de ter por casa. A preocupação é crescente à media que passamos mais tempo “colados” ao ecrã.

Vê ainda: Google I/O 2018 dará ênfase à utilização responsável do Android

A Apple está ciente deste risco para os utilizadores a para todo o tecido da sociedade atual. Como tal, promete implementar um controlo parental mais “robusto”, fazendo uso das suas palavras.

A Google tomou uma postura similar, sendo este um dos vetores da conferência Google I/O que teve lugar em maio passado. Agora, a Apple tomará a mesma postura durante a sua WWDC. A saúde, física e mental e a preocupação com o tempo passado “na Web”.

Estaremos atentos às novidades da Apple durante esta edição da WWDC.

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).