Vivo X Fold vai ter uma novidade inesperada sob o ecrã

Mónica Marques
Comentar

Será durante este ano que a Vivo vai apresentar o seu primeiro modelo de smartphone dobrável e, ao que tudo indica, a marca está a apostar na inovação para destacar o terminal no mercado.

Soube-se agora que o Vivo X Fold terá sensores ultrassónicos para impressões digitais sob o ecrã, o que pode diferenciá-lo de todos os modelos existentes.

Vivo X Fold com sensores ultrassónicos embutidos no ecrã

Weibo Vivo X Fold

Só pelo facto de ser o primeiro smartphone dobrável, o Vivo X Fold já ficaria assinalado como um marco na história da marca. Mas aparentemente a Vivo quer ir mais longe e surpreender tudo e todos com um terminal totalmente inovador.

Agora foi revelado que o modelo terá sensores ultrassónicos para impressões digitais embutidos no ecrã. A informação chega através do leaker e blogger Feiwei que divulgou imagens dos ecrãs desmontados na rede social chinesa Weibo.

É nestas imagens, e pelo facto de tanto o ecrã interior como o exterior, estarem desmontados que conseguimos ver a integração dos referidos sensores. O blogger vai mais longe nas explicações e esclarece que este tipo de sensores são mais avançados e mais fáceis de utilizar, em comparação com os convencionais sensores de impressões digitais que estão localizados nas laterais dos equipamentos.

Especificações esperadas no Vivo X Fold

Vivo X Fold
Alegadamente, o Vivo X Fold foi detetado nas mãos de um utilizador no metro na China e esta é a imagem que ilustra o caso Crédito@ITHome

Entretanto foram já avançadas algumas das especificações que podemos ver no Vivo X Fold. O modelo vai chegar equipado com o processador Snapdragon 8 Gen 1, sendo que tanto a memória RAM como a capacidade de armazenamento interno se mantêm no segredo dos deuses.

Já no que diz respeito aos ecrãs, sabe-se que o X Fold terá um ecrã exterior OLED de 6,5 polegadas com uma resolução Full HD+ e uma taxa de atualização de 120 Hz. O ecrã interior será maior com oito polegadas e terá uma resolução igualmente superior, QHD+. À semelhança do ecrã exterior a taxa de atualização é também de 12 0 Hz.

Na configuração de câmara traseira vai contar com um sensor primário de 50 megapixéis, complementado por um ultrawide de 48 megapixéis, um sensor telefoto de 12 megapixéis com zoom ótico de 2x e ainda um sensor telefoto periscópio de oito megapixéis com zoom ótico de 5x.

Por último, estará também equipado com uma bateria de 4.600 mAh que vai integrar suporte para carregamento rápido de 80 watts e para carregamento sem fios de 50 watts. Alguns rumores no mundo Web sugerem que o terminal será apresentado oficialmente já no próximo mês de abril.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.