União Europeia dá luz verde para estruturas 5G da Huawei! Mas tem limitações

Vitor Urbano
Comentar

Depois de vários meses a debater se deveriam, ou não, permitir que a Huawei estivesse envolvida no desenvolvimento e implementação da tecnologia 5G na Europa, a União Europeia tomou uma decisão oficial.

À semelhança do Reino Unido, também nos países da União Europeia a Huawei irá ter autorização para participar na implementação das várias estruturas 5G necessárias. No entanto, serão colocadas em prática diversas limitações.

Huawei 5G União Europeia Europa

Huawei poderá ser excluída apenas de estruturas fundamentais para segurança nacional

De acordo com o comissário da União Europeia, Thierry Breton, vão ser realizadas análises aprofundadas de todos os fornecedores de equipamentos 5G, de forma a garantir que apenas os mais seguros serão incluídos em estruturas mais sensíveis.

Ainda que não tenha sido revelado de forma oficial, não seria de estranhar de em diversos países, a Huawei acabasse por ser excluída deste tipo de projetos. No entanto, a marca verá certamente com bons olhos o facto de que irá poder continuar a ajudar na implementação das redes 5G na Europa.

Apesar destas estruturas de núcleo de rede serem extremamente importantes, não existe necessidade de criar muitas delas. O mais importante no sucesso da implementação das redes 5G é o número e qualidade das várias estações 5G que serão implementadas por todo o lado.

Com a grande demanda de "pontos 5G", a Huawei terá garantidamente uma excelente oportunidade para continuar a expansão do seu negócio nesta área. Ainda assim, é importante realçar que a União Europeia garantiu que não irá permitir que nenhuma empresa consiga monopolizar este novo mercado.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.