Sony terá adiado PlayStation Showcase 2022 por uma razão surpreendente

Mónica Marques
Comentar

Supostamente, o Sony Showcase 2022 iria acontecer durante esta semana, a 20 de outubro, mas a gigante japonesa não confirmou oficialmente a realização do evento.

De acordo com rumores agora divulgados, a Sony adiou (ou terá mesmo cancelado) a edição deste ano por uma razão surpreendente: não ajudar a rival Microsoft. Contamos-te toda a história de seguida.

Sony pode não realizar PlayStation Showcase 2022 este ano

1/2The ongoing CMA investigation for MS acquisition of AB, has indeed delayed any Showcase plans for Sony. Exclusive titles and first party I.P were ‘locked in’. Sony believe a showcase will add weight to MS arguments. Silent Hill & Kojima Who Am I reveal were part of show.

— Millie A (@millieamand) 17 de outubro de 2022

Desde o início de outubro que os fãs de PlayStation esperam notícias da Sony. Mais especificamente pretendem o anúncio oficial de uma data para a concretização do evento PlayStation Showcase 2022.

Por alguns dias, todos se animaram com o rumor de que tal podia acontecer a 20 de outubro, mas dois dias antes desta data, a Sony mantém o silêncio. Hoje, as notícias são bastante mais desanimadoras.

De acordo com a leaker Millie Amand, conhecida por fornecer informações certeiras sobre a Sony e a PlayStation, a gigante japonesa terá adiado o tão aguardado evento. Pior: outras fontes avançam que a Sony cancelou mesmo a edição deste ano.

Mas por que razão a Sony o fez? Ao que tudo indica, esta é uma estratégia para não ajudar a Microsoft, sua principal concorrente no mercado gaming. Confuso? Um pouco, mas há uma explicação plausível.

Comecemos a história do início. As autoridades do Reino Unido estão a investigar o negócio de compra da Activision Blizzard pela Microsoft. A ideia é que esta aquisição não comprometa a competitividade no mercado de videojogos, fornecendo à Microsoft uma vantagem.

Sony PlayStation Showcase 2022
Este ano, a Sony pode não realizar o evento Sony PlayStation Showcase Crédito@Jeshoots.com/Unsplash

Segundo as informações divulgadas, a Microsoft defenda a sua compra, argumentando que, atualmente, está em último lugar nas vendas de consolas e em sétimo lugar nas vendas diretas de computadores.

Diz a Microsoft que, mesmo com a aquisição da Activision Blizzard, não consegue obter uma vantagem competitiva suficiente para desrespeitar as leis da concorrência.

Ora, por seu lado, a Sony acredita que a realização de um evento como o PlayStation Showcase 2022 vai reforçar os argumentos da Microsoft perante as autoridades britânicas, uma vez que neste palco seriam anunciados todos os próximos grandes lançamentos.

Seria também neste palco que a Sony iria mostrar os bons resultados do negócio PlayStation, o que poderia levar as autoridades do Reino Unido a dar razão à rival Microsoft.

Claro que a Microsoft já veio garantir que, após a aquisição da Activision Blizzard, todos os títulos desta empresa vão continuar a ser disponibilizados para PlayStation. Aguardamos por mais episódios desta espécie de luta pelo trono de ferro nos próximos dias.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. Email:monicamarques@4gnews.pt