Samsung e LG já não competem sozinhas pelo o ecrã OLED dos iPhone
Os novos iPhone terão mais opções que a Samsung e LG para os seus ecrãs OLED

Até ao momento a luta era a dois. Se a Apple queria um ecrã OLED no seu iPhone a marca americana tinha de recorrer a uma das duas empresas sul-coreanas. A Samsung Display continua a ser a empresa que consegue suportar a demanda dos iPhone e de todos os terminais da marca que ostentam tal ecrã. A LG por outro lado, tenta aos poucos trazer uma concorrência forte para o mercado.

Enquanto que até ao momento só podíamos olhar para uma das duas de forma a ter um ecrã OLED de qualidade, as coisas estão prestes a mudar.

Vê ainda: Huawei P11 e P12 – Nomes revelados no website oficial da marca

De acordo com a DigiTimes a Japan Display (JDI) e a Sharp entrarão na luta para os iPhone de 2018. A Japan Display é uma das principais fabricantes de LCD e a Sharp é agora dominada pela FoxConn, a empresa que constrói os iPhones.

Escusado será dizer que a guerra em torno dos próximos ecrãs do iPhone será garantidamente interessante, contudo, quero alargar o meu ponto de vista face a estas informações.

Com a JDI e a Sharp a entrarem no mercado OLED de uma forma forte, é provável que o valor de construção das telas OLED baixem. Quantos mais fabricantes houverem mais produto existe. Não faltam fabricantes de smartphones ansiosas por introduzir ecrãs OLED nos seus equipamentos.

Lembremo-nos que a Vivo apresentou um terminai com sensor biométrico no ecrã do dispositivo. Se te parece que uma informação em nada tem relacionado com a outra, pensa de novo.

Apple já não depende da Samsung ou LG para os ecrãs OLED dos próximos iPhone

Este tipo de tecnologia só funciona em ecrãs com a tecnologia OLED. De forma a tirar um “Print” da tua impressão digital só alguns pixels podem estar ligados. A tecnologia LCD simplesmente não permite tal funcionalidade.

Se o futuro passar por um sensor biométrico no ecrã significa que o futuro também passará pelos ecrãs OLED. Pessoalmente prefiro os OLED aos típicos LCD. Para além de nos dar um constraste maior e cores mais vidas, a autonomia do dispositivo agradece.

Ainda não sabemos qual será a fabricante que ficará com os contratos dos ecrãs dos próximos iPhone, contudo, temos a certeza que a Samsung e a LG deixaram de ter a relevância que outrora tinham no setor.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Galaxy S9 terá revelado a lista completa de especificações

Nokia Asha – HMD pode trazer novamente esta linha ao mercado

Xiaomi – Quão importante é o Android Oreo se tens a MIUI?

Fonte | Via

Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.