Samsung Galaxy S22 chegará com processador Snapdragon 898 a estes mercados

Carlos Oliveira
Comentar

Será apenas no início de 2022 que a Samsung apresentará a sua nova linha de smartphones topo de gama, os Samsung Galaxy S22. Até lá, esperam-nos meses de rumores e especulação sobre este novo trio.

Os Samsung Galaxy S22 voltam a ser tema de notícia em virtude dos processadores que irão ostentar. Mais importante que isso, ficamos a saber que mercados receberão as versões com Snapdragon 898 e Exynos 2200.

Final decision has NOT been made as of now, but the current decision is as follows:1. Europe: 100% Exynos 22002. North America regions: 100% Snapdragon 898, but Verizon is requesting to equip Exynos 2200 so Samsung is negociating (1/4)Source: https://t.co/Pe55bDDfcy

— Tron ❂ (@FrontTron) 5 de setembro de 2021

Samsung Galaxy S22 com processador Snapdragon 898 não chegará à Europa

Ainda que um rumor anterior deixasse a esperança de que a Europa pudesse receber a versão dos Galaxy S22 com SoC Snapdragon, tudo indica que isso não acontecerá. O nosso mercado será contemplado com o novo Exynos 2200.

Com efeito, apenas a Coreia do Sul, Hong Kong, Índia e o sudoeste asiático terão direito ao Snapdragon 898. Isto significa que os restantes mercados serão contemplados com a versão do Samsung Galaxy S22 equipada com o Exynos 2200.

A fonte refere que este plano de disponibilidade ainda não foi aprovado. Ainda assim, salvo alguma alteração futura nos planos da Samsung, esta deverá ser a distribuição das diferentes versões da linha Galaxy S22 pelo globo.

Pela primeira vez em muitos anos, o processador desenvolvido Samsung parece ser o mais desejado em determinados locais. Isto porque a mesma fonte revela que os Estados Unidos e a China entraram em negociações para receber a versão com o Exynos 2200.

Samsung Galaxy S22

A isto deve-se o facto de este ser o primeiro processador desenvolvido ao abrigo da colaboração da Samsung com a AMD. Os resultados preliminares do Exynos 2200 pulverizam a concorrência e, consequentemente, receberam a atenção de alguns dos mais importantes mercados mundiais.

Recordo que a China e os Estados Unidos são, por tradição, alguns dos mercados que recebem os topos de gama da Samsung com a sua variante Snapdragon. Esta habitualmente a mais cobiçada, mas parece que irá perder esse estatuto em 2022.

Em suma, na Europa não haverá uma alteração nesta política da Samsung. Continuaremos a receber a versão dos seus topos de gama com o seu processador Exynos, mas, desta feita, cresce a esperança de que esta seja a versão mais potente, pelo menos no seu desempenho gráfico.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.