Samsung confirma sólido crescimento no último trimestre de 2020

Rui Bacelar
Comentar

O ano de 2020 acabou da melhor forma para a Samsung, independentemente dos percalços que afetaram a economia mundial face à pandemia do COVID-19. Agora, a gigante sul-coreana publica o seu mais recente relatório fiscal com ótimos indicadores.

Como resultado, as ações da Samsung subiram 7,1% na bolsa de Seoul, aludindo a sinais de recuperação no mercado dos chips de memória, semicondutores e componentes. É um ótimo augúrio para a empresa que se prepara para apresentar os Galaxy S21.

O último trimestre de 2020 foi muito positivo para a Samsung

Os últimos três meses de 2020 trouxeram um aumento de 26% nas receitas da Samsung, superando as previsões dos analistas de mercado. As vendas de produtos foram um dos principais "motores" do crescimento, mas longe de ser o único vetor.

Recordamos que já no fim do terceiro trimestre a Samsung havia expressado o seu agrado perante o sucesso dos smartphones dobráveis, setor em franco crescimento. No entanto, o mercado mobile encontrava-se globalmente em recessão.

Aliás, no quarto trimestre de 2020 os iPhone 12 também chegaram ao mercado e complicaram a venda dos smartphones Samsung, mas ainda assim a fabricante continuou a crescer. Agora, teve uma grande valorização nas vésperas dos Samsung Galaxy S21.

Os chips de memória catapultaram as receitas da Samsung

As várias aplicações dos módulos de memória fabricados pela Samsung.

O ressurgimento na procura pelas soluções de memória com diversas aplicações, dos smartphones aos computadores, levou a que a Samsung aumentasse significativamente os lucros neste ano difícil. Algo que se deverá manter ao longo de 2021.

A procura por módulos de memória DRAM e NAND continuará a trazer encomendas à fabricante sul-coreana, sendo esta uma das maiores fornecedoras do mundo, a par da Micron Technology In.

Note-se ainda que os smartphones Samsung Galaxy registaram um abrandamento nas vendas no trimestre em causa, em parte devido à chegada dos iPhone 12 e outros rivais chineses. Agora, a Samsung prepara-se para lançar a nova geração no evento Galaxy Unpacked a 14 de janeiro.

Os novos smartphones chegarão sem carregador e auriculares na caixa, mas já utilizarão o novo processador Exynos 2100 da Samsung, além dos seus chips de memória RAM e armazenamento.

Editores 4gnews recomendam:

  • Twitch: streamer espanhol TheGrefg esmaga recorde de espetadores de Ninja
  • Atenção MEO, NOS e Vodafone: novo operador móvel chega a Portugal
  • A perigosa app do Facebook que permitia reconhecer pessoas com o smartphone
Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.