Realme está mais perto de lançar um smartphone com câmara sob o ecrã

Carlos Oliveira
Comentar

Uma das mais recentes patentes submetida pela Realme indica que a marca persegue o lançamento de uma das tecnologias mais esperadas do momento. Em boa verdade, os documentos descobertos apontam para a aposta numa câmara sob o ecrã do smartphone.

Importa notar que os documentos que chegaram a público não mencionam especificamente uma câmara debaixo do ecrã. Todavia, ao olharmos para os esquemas divulgados, parece-nos ser a opção óbvia.

Realme

Realme quer entrar no mercado das câmaras frontais sob o ecrã

Em setembro passado, um executivo da Realme partilhou uma imagem misteriosa que indiciava que a marca se prepara para apostar nesta tecnologia. O equipamento carece de um local visível para a sua câmara frontal, o que aponta para a sua colocação debaixo do ecrã.

Realme

A corroborar essa tese, temos declarações recentes de Madhav Sheth que descarta o uso de um mecanismo pop-up nos equipamentos da Realme. Pesando estas declarações, parece inevitável que o modelo que vigora na patente descoberta irá mesmo apostar numa câmara sob o ecrã.

Nas imagens agora partilhadas vemos um smartphone e a sua parte frontal sem nenhuma interrupção no ecrã. Não é possível vislumbrar a presença de uma notch, nem sequer de um orifício no ecrã, portanto, tudo aponta para que a câmara esteja no ecrã.

Este documento indica que um dos próximos lançamentos da Realme possa ser mesmo um smartphone com essa tecnologia. Considerando que a marca quer entrar no segmento mais premium do mercado, é compreensível que queira desenvolver uma câmara frontal escondida no ecrã.

Realme

As imagens mostram ainda que o ecrã do equipamento será curvo nas laterais, atestando o seu estatuto premium. Já na traseira, vemos um módulo com três sensores e um flash LED muito semelhante ao utilizado no Realme GT.

Como sempre, uma patente não garante que a Realme lance um produto desta natureza. No entanto, prova-se que a marca está a estudar a possibilidade e a sua adoção fará certamente subir o preço do equipamento face ao praticado atualmente.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.