Se estiver a pensar em comprar ou oferecer um tablet a alguém, as escolhas são muitas e não são assim tão fáceis. Por isso, vou tentar simplificar as coisas para os leitores deste artigo.Google Santa Tracker

Primeiro temos de pensar no orçamento, isso é de certeza um fator limitante na escolha de um novo dispositivo. E juntamente com o orçamento devemos, logo, pensar no sistema operativo que melhor se adapta ao uso a que se destina. As hipóteses de sistema operativo resumem-se ao iOS (o OS da Apple), Windows e Android.

Windows

   

Do OS Windows, só mesmo a linha Surface, nomeadamente o Surface Pro 3, mas é só para quem quer substituir um laptop por um tablet, pois as funcionalidades são as mesmas, mas a praticabilidade pode ficar aquém da simplicidade de levantar o ecrã do laptop, por no colo e começar a trabalhar, e de certa forma acabar por ser desconfortável, pois o ecrã é mais pequeno e os teclados disponíveis, para além de serem exageradamente caros, são também pequenos e outra vez, não tão práticos como um de um laptop. Mas o que pode ser uma desvantagem pode torna-se uma vantagem e ser extramente útil pelo seu tamanho, ser capaz levar o tablet/computador para todo o lado, arranjar um superfície plana e começar a trabalhar.

O ecrã é QuadHD de 12″, o que é melhor do que alguns computadores no mercado neste momento, os processadores são Intel de 4ºgeração, os quais podem ser i3, i5 e i7, todos estes processadores são bem capazes de fornecer uma pSurface Pro 3erformance como um computador normal, de forma suave e sem problemas, possui uma porta USB 3.0 e um Mini DisplayPort, que permite ligar o Surface a um monitor, tudo isto transforma o tablet num computador. Para além disto, também vem equipado com um suporte que permite colocar o ecrã em vários ângulos e uma caneta, que na minha opinião, vai adicionar bastante funcionalidade e revelar-se bastante útil. A caneta é extramente precisa no que toca à escrita com esta e juntamente com algum software desenvolvido pela Microsoft pode por exemplo criar documentos com recortes de outros e juntando alguns rabiscos dar resultado a uma verdadeira obra prima.

Os preço começam por volta dos 700€ sem incluir o teclado mas o Surface Pro 3 é de certeza uma excelente escolha para uma pessoa que precisa de realizar algum trabalho mais leve e não quer andar com um computador atrás o dia inteiro, escrever e alterar documentos deve ser bastante fácil e prático, mesmo sendo o teclado pequeno, deve realizar a sua função muito bem mas para trabalhos um pouco mais pesados, como editar vídeos pode acabar por ser algo cansativo e pouco prático devido ao ecrã de pequenas dimensões.

Outro aspeto que devemos considerar é que o Surface foi lançado, em tempos tecnológicos, já há algum tempo, por isso não pode estar fora de questão esperar pelo próximo, se realmente é isto que procura.

iOS

Mas se o Surface não se encaixa àquilo que está à procura e quer algo mais “tablet” pode escolher comprar os repetidos mas, ipad mini 3enfim,  confiáveis iPads. A gama é mais ou menos vasta , mas a escolha vai ser para iPad mini 3, com ecrã Retina mais pequeno,  uma bateria duradora e preço mais baixo do que o Air 2, ganha o meu respeito pelo qualidade de imagem e performance extremamente boa. Para quem precisa de um tablet simplesmente para consumir media, jogar uns jogos, pesquisar na Internet e fazer uma “excelente” figura a tirar selfies, tudo sem problemas este é o tablet.

Mas se me perguntassem se eu compraria um iPad ou um tablet Android pelo mesmo preço, sem perder tempo diria logo um tablet Android. Porquê? Tem tudo haver com o sistema operativo. Mas isto já são escolhas pessoais que devem ser muito bem ponderadas. O sistema Android deixa nos personalizar muito melhor o nosso tablet, com vários widgets que se podem instalar e configurar à nossa vontade e muitos outros aspetos que só sabemos se apreciamos mais que outros quando experimentamos e exploramos os dois sistemas operativos, iOS e Android.

Android – Topo de Gama 

Agora, para quem tem a certeza que prefere Android e quer comprar neste momento um tablet, aqui estão aqueles que deve considerar comprar:

Em primeiro lugar os, o Samsung Tab S 8.4 e 10.5, com ecrã Super AMOLED espetacular e com processador Exynos Octa Core, fabricado pela própria Samsung, que não deve desapontar mesmo em jogos mais intensivos, os Samsung são também muito finos e extramente leves. O Xperia Z2 Tablet é outra opção à altura, com processador Snapdragon 801, ecrã de 10.1 polegadas Full HD , uma melhor qualidade de construção, comparada com a do Samsung e equipado com altifalantes frontais que são mais apreciáveis aos nossos ouvidos do que os altifalantes laterais do Samsung. Ambos têm interpretações diferentes do Android, cada um com as suas características específicas, os dois oferecem a possibilidade de se realizar algum multitasking (habilidade de cumprir várias tarefas), por exemplo, o software da Samsung possibilita a que duas aplicações estejam abertas ao mesmo tempo, o Sony tem várias aplicações específicas que se podem abrir tipo janela pop-up em cima de qualquer outra coisa que estejamos a fazer, mas para aquele que necessita de realizar algum multitasking o Samsung é o tablet a escolher, mas para quem está à procura de uma interface mais simples e concisa o Xperia Z2 Tablet é a melhor escolha.

Outro tablet que na classe dos topo de gama é o Nexus 9, fabricado pela HTC e não deve ser posto de parte, o ecrã é de 8.9 polegadas Quad HD e é neste momento o único tablet Android com processador Tegra K1 com arquitetura de 64 bits. Quando foi lançado em Outubro em conjunção com a Google e a HTC, foram reportados alguns problemas de construção que neste momento já deverão estar resolvidos. Todos estes tablets devem-se comportar mais ou menos ao mesmo nível em termos de performance, a diferença mais visível será mesmo no software e interface. O Nexus 9 possui o que chamamos Android puro que é aquele que é desenvolvido pela Google e é a visão desta de como deverá ser o Android, os fabricantes a partir desta versão posteriormente adicionam as suas características. Eu pessoalmente prefiro o Android puro, apesar de não possuir algumas funcionalidades que são bastante úteis, como o desenvolvido multitasking da Samsung. Outras pessoas Nexus-9 2poderão dizer que o Android puro é exagerada e desnecessariamente simples e que há imensas coisas que podem ser adicionadas, mas a simplicidade e esta nova versão 5.0 Lollipop com o Material Design proporciona uma experiência bastante envolvente e despromovida de complicações que algumas pessoas poderão apreciar.

Os preços destes tablets rondam os 400€, com um pouco de sorte arranja uma “promoçãozinha”.

Android – Média e Baixa Gama

Se mesmo assim não quer estar a gastar tanto dinheiro, estes tablets de média gama continuam a ser investimentos nos quais se pode confia uma experiência sem grandes problemas e complicações.

As opções são: o Asus MeMO Pad 8 FHD, pelo seu ecrã,o Xiaomi MiPad 7.9, pelas suas especificações, o Samsung Galaxy Tab 4, o resto da Asus MeMO Padgama MeMO Pad e o Nexus 7 2013, apenas pelo ecrã, pois o processador já está ligeiramente ultrapassado. Todas estas são boas escolhas tendo em conta o preço, mas escolheria o Asus MeMO Pad 8 FHD pelo ecrã Full HD e processador Intel. Outros tablets mais baratos poderão comprometer alguns aspetos, como qualidade de construção e performance.

Não se esqueça que neste mundo da tecnologia está em constante mudança e que todos os meses à equipamentos novos com o mais recente hardware. Nos próximos meses vários dispositivos começarão a vir equipados com processadores de nova geração, como o Snapdragon 810, com muitos melhoramentos, por isso tenha sempre em mente que existe aquela hipótese de esperar mais uns meses!

Talvez queira ver:

Com o espírito Natalício em mente, boas festas e compras saudáveis!

Queremos saber a tua opinião sobre este assunto por isso fica livre de comentar abaixo. Clica aqui para saberes como ajudar a 4GNews!

Nós e os nossos meios de comunicação!