OnePlus reitera a não utilização do Project Treble, nem no OnePlus 5T

Rui Bacelar
OnePlus 5T vermelho Lava
Chegou uma nova cor para um dos melhores smartphones da atualidade. As novidades não se ficam por aí.

As atualizações do Android nunca foram o ex-libris deste sistema operativo. A Google tem perfeita noção disso e, sem obrigar as marcas ou impor regras tem desenvolvido etapas e possíveis soluções para mitigar este problema endémico. Veja-se, neste momento a versão mais recente do sistema operativo é o Android Oreo 8.0 e a versão mais popular continua a ser a Marshmallow. Dados da própria Google. Afinal o Project Treble não vinha resolver isto? Então porque é que a OnePlus o rejeitou, até mesmo no OnePlus 5T?

Vê ainda: 27 Apps gratuitas na Google Play Store para o teu Android

O Project Treble tenta, com o Android Oreo, tornar as atualizações de software mais expeditas. Para tal, tentará facilitar o processo de atualização para as construtoras. Se não sabes o que é, ou no que consiste este Project Treble passa aqui, no nosso artigo.

Ora, se este sistema de atualizações modulares viria ajudar as construtoras a lançar atualizações de forma mais expedita, porque é que a OnePlus já confirmou que não o utilizaria? Nem mesmo no seu novo smartphone OnePlus 5T. Parece contra-senso mas existe uma justificação para tal.

Project Treble Android Huawei Google
Antes e depois do Project Treble

Essencialmente, com o Project Treble, os dispositivos terão um módulo base que lida com o hardware, uma versão perto da raíz. Depois, teremos a estrutura do Android. É aí que entrarão as atualizações via OTA.

Project Treble não chegará ao OnePlus 5T

Manterão a versão base, que tem todos os drivers para os componentes e poderão atualizar o módulo superior, do sistema Android. Desta forma, as construtoras não terão que esperar que os fabricantes de componentes atualizem e disponibilizem os drivers necessários.

A OnePlus lançou o seu novo topo de gama, o seu flagship OnePlus 5T ainda com o sistema operativo Android Nougat, a 7ª versão desta plataforma. Ora, alguns fãs da marca estavam à espera que o Project Treble chegasse com o Android Oreo no início de 2018. Aliás, tivemos vários leitores a perguntar-nos isso mesmo.

Estas mesmas questões foram também colocadas no fórum oficial da marca. Agora, os seus representantes responderam. A resposta, sem grandes surpresas depois das declarações anteriores é um redondo não.

Nenhum dos atuais smartphones da marca receberão o Project Treble com a atualização para Android Oreo com a interface OxygenOS 5.0. Contudo, o seu próximo topo de gama, com lançamento agendado para junho de 2018, o OnePlus 6, já contará com esta iniciativa.

Ora, tendo em conta o agressivo calendário de atualizações e novos equipamentos da OnePlus, daqui a nada quando começares a cantar as janeiras já podes comprar o OP6. Vá, nem tanto, ainda faltam mais uns 5 meses até que o produto seja lançado. Entretanto, o 3, 3T, 5 e 5T receberão a nova OxygenOS com o tão esperado Android Oreo.

E tu, gostarias que a marca adoptasse esta iniciativa da Google para agilizar o ritmo das atualizações? Deixa-nos a tua opinião em baixo, nos comentários.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Xiaomi teve um crescimento de 102% em apenas um ano

ASUS Zenfone 4 Max recebe oficialmente a ZenUI 4.0

Android Oreo começa a chegar aos dispositivos Android Wear

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.