Oukitel U7 Max: Smartphone de entrada com preço "extremamente baixo"

Filipe Alves

A Oukitel tem vindo a trabalhar ao longo dos anos para nos dar equipamentos com uma boa relação qualidade/preço. É sabido que os seus equipamento não podem, nem devem, ser comparados com os topos de gama do mercado, porém, não lhes fica mal comprar aos gama-média ou baixa, que são vendidos a preços absurdos em lojas físicas.

A empresa Chinesa está a preparar um novo smartphone que segundo o comunicado terá um valor "extremamente baixo". Honestamente não sei o que é que a Oukitel entende por "extremamente baixo" visto que muitos terminais de gama de entrada se encontram abaixo dos 100€.

Vê ainda: Nokia poderá estar a preparar o lançamento de um poderoso terminal

As especificações deste novo smartphone estão longe de cativar e pelo que posso ver será um smartphone destinado a um público muito especifico.

Oukitel U15S com leitor biométrico na parte traseira

O Oukitel U7 Max contará com um ecrã de 5.5" polegadas HD, processador MediaTek MT6590A, 1GB de RAM e 8GB de memória interna. Como vês, este smartphone é perfeito apenas para quem quer um simples dispositivo para emergências ou pequenas coisas.

Embora com poucas specs, o Oukitel U7 Max contará também, segundo a Oukitel, com um leitor de impressões digitais na parte traseira do dispositivo, câmara principal de 13MP, expansão via MicroSD até 32GB e dual-SIM.

O smartphone não contará com rede 4G, o que significa mais uma vez que este terminal é destino a um grupo selecionado de pessoas.

Honestamente consigo ver sucesso nele, caso o seu valor pouco ultrapasse os 50 euros, um preço aceitável para as especificações do terminal. O Oukitel U7 Max será apresentado em meados de fevereiro, por isso não falta muito até sabermos mais sobre o novo gama de entrada.

Talvez queiras ver:

LG G6: Mais um vislumbre do próximo flagship da LG

Galaxy S8 e LG G6 poderão vir equipados com um dissipador de calor

São duas as razões para a bateria do Samsung Galaxy Note 7 explodir

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.