Oppo A53 é o novo gama média da marca com construção em magnésio

Carlos Oliveira

The-Oppo-A53-frontbackSe deres uma olhadela pelos mais variados blogs de tecnologia portugueses, a 4gnews é aquele que maior cobertura faz aos smartphones #chinaaopoder. O preconceito existente em torno de equipamentos vindos do oriente era muito e acredito que o nosso trabalho contribua bastante para essa desmistificação.

As marcas #chinaaopoder são mais que muitas e a cada passo somos presenteados com novos equipamentos, a preços acessíveis. A Oppo é uma destas marcas e que acaba de anunciar o seu novo Oppo A53, um gama média com uma construção feita em liga de magnésio.

Este tipo de construção dá-nos um feeling muito interessante quando o seguramos na nossa mão e dá-lhe uma aparência algo semelhante aos topo de gama todos elegantes que vemos pelas montras da nossa cidade.

The-Oppo-A53-frontback2Quando olhamos para as especificações deste Oppo A53, aí sim temos a certeza de que estamos perante um smartphone de gama média/alta. O mesmo possui um ecrã de 5.5 polegadas Full HD, Snapdragon 615 a 1.5GHz, Adreno 405, 2GB de RAM e ainda 16Gb de armazenamento interno, que poderá ser estendida até aos 128GB, via microSD.

Para os que não dispensam a gravação de um determinado momento para a prosperidade, este A53 contém uma câmara fotográfica principal de 13MP e ainda uma frontal, para umas boas selfies, de 5MP. A sua bateria será de 3075mAh, oferecendo uma autonomia de até 300 horas em stand-by. O seu Android será o 5.1 Lollipop, sob a habitual UI ColorOS 2.1.

Infelizmente a Oppo não revelou ainda quando disponibilizará o Oppo A53 para venda, nem sequer o preço a que será vendido. Esperaremos por mais informações, que não deverão tardar em chegar.

Talvez queiras ver:

The-Oppo-A53-batery.jpgThe-Oppo-A53-dualsim.jpgThe-Oppo-A53-front.jpgThe-Oppo-A53-front2.jpgThe-Oppo-A53-frontback.jpgThe-Oppo-A53-frontback2.jpgThe-Oppo-A53-is-now-official.jpgThe-Oppo-A53-is-now-official2.jpg

;)

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.