Novidade facilita troca de informações entre dispositivos com diferentes sistemas operacionais – como Android e iOS
 
Reprodução
A startup carioca NearBytes desenvolveu uma tecnologia com uma propriedade inusitada: a transmissão de dados por “assobio”.
Com velocidade de 800 bits por segundo, a transmissão pode ser feita entre dispositivos com sistema operacional Android e iOs, uma das grandes vantagens em relação a tecnologias com a mesma finalidade – como a NFC (Near Field Comunication), que permite a troca de dados entre gadgets (mas não está disponível para iPhones, por exemplo). 
 
No caso da ferramenta, o “assobio” é uma onda sonora de alta frequência emitida pelo alto-falante de um aparelho e reinterpretada por outro dispositivo receptor habilitado.
 
No site da NearBytes, é possível baixar o app e plugin que habilitam smartphones e PCs, respectivamente, a interpretar “assobios”. Patenteada, a nova tecnologia funciona entre aparelhos que estão a até 10 centímetros de distância. Segundo os desenvolvedores, o curto espaço é uma medida de segurança.
 
Capacidade
 
Filmes, músicas e outros arquivos de grande porte não são enviáveis pela tecnologia. Mas ela é útil para troca de dados menores – como comandos e arquivos de texto.
 
“Já é possível, por exemplo, enviar os dados de um cartão de visitas por som em um segundo”, afirma Marcelo Ramos, chefe de tecnologia da NearBytes.
 
Aplicações
 
Segundo Ramos, cerca de 600 desenvolvedores na Austrália, Canadá, Taiwan e outros países trabalham criando aplicações para a nova tecnologia. Entre elas, estão a capacidade de acender uma lâmpada ou abrir uma porta por meio do som.
 
Além disso, a NearBytes aposta que sua criação pode ser útil também em setores como pagamentos móveis e codificação de senhas. Assim, a empresa trabalha para a popularização da tecnologia.
 
De acordo com Ramos, a NearBytes não pretende desenvolver aplicações com sua criação, mas apoiar iniciativas que façam uso licenciado da novidade. Atualmente, a empresa desenvolve uma versão para Windows Phone da nova tecnologia .
 
Assista aqui a vídeo da NearBytes sobre sua criação:
 


Fonte Exame.com

Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho.
Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.