Nova tecnologia carrega baterias em 6 minutos! E não estamos a falar de grafeno!

Filipe Alves
1 comentário

A tecnologia pode até estar muito avançada, contudo, a bateria para fazer com que essa tecnologia aguente por muito mais tempo faz parte do passado. O grafeno promete substituir as baterias de lítium, contudo, esta nova tecnologia não é grafeno e tem uma velocidade de carregamento idêntico.

De acordo com a nova startup britânica, Echion Technologies, conseguiram desenvolver uma tecnologia que fará das baterias carregar em apenas 6 minutos. Não temos ideia de qual é o tamanho da bateria ou se tal importa. Temos apenas a informação que funcionará em smartphones ou até em carros elétricos.

bateria carrega em 6 minutos

Bateria que carrega em 6 minutos num carro?

A bateria de um carro é idêntica à de um smartphone. Ainda que tenha as suas sérias diferenças a nível de construção, a forma como carrega e os seus ciclos de vida não fogem muito às baterias que tens no smartphone que tens na mão.

Por isso é que o grafeno promete muito. O grafeno dá-nos mais ciclos de vida na bateria, um carregamento muito mais rápido e mais duração de bateria. Esta tecnologia, como referi, não é a mesma. Porém, consegue carregar as nossas típicas baterias em apenas 6 minutos.

O Dr. Verpilliere, um dos fundadores do projeto referiu que "Os pós são o componente central de uma bateria de lítio. Este é um novo tipo de pó que permite recarregar a bateria em seis minutos, e não 45 minutos. Isso inclui um carro; portanto, seu carro elétrico é quase tão fácil de carregar quanto reabastecer convencionalmente."

Referiu ainda o problema dos dias de hoje de carregamento rápido. "O problema com os pós usuais é que, quando os carrega rapidamente, podem causar uma explosão. Com o novo material - sobre o qual não posso contar mais nada - aceita carregamento rápido sem riscos à segurança, ao contrário da grafite".

Eles prometem ter esta bateria para os consumidores e fabricantes em 2020. Ou seja, não deverá faltar muito para que o mundo tecnológico dê um passo enorme. Esperemos apenas que não seja mais um conto de fadas e realmente se torne uma realidade.

Editores 4gnews recomendam:

1 comentário
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.