Nokia apresenta quatro novo smartphones Android Go para o básico

Carlos Oliveira
Comentar

Hoje foi dia de apresentações para a Nokia e a marca finlandesa também refrescou a sua influência no mercado de gama baixa. Aqui a marca apresentou quatro novos smartphones, suportados pelo Android Go precisamente desenvolvido para dispositivos mais limitados.

Temos então os novos Nokia G10, Nokia G20, Nokia C10 e Nokia C20. São equipamentos que piscam o olho aos consumidores com pouco poder financeiro, visto que os preços destes oscila entre os €75 e os €160.

Nokia

Nokia G10 e Nokia G20 olham para os utilizadores pouco exigentes

Os Nokia G10 e Nokia G20 apresentam-se com um design familiar do segmento de entrada da marca. Temos um ecrã com notch em formato gota de água e uma traseira em plástico onde se destaca o seu módulo redondo para as suas câmaras.

Ambos apresentam-se com um ecrã LCD de 6,5" polegadas e resolução HD+. Curioso notar que ambos chegam com a maior bateria já lançada pela Nokia, cifrando-se nos 5050mAh.

Nokia G20

O Nokia G20 é aquele que reúne maior potencial entre o par, em muito devido ao seu processador MediaTek Helio G35. Este SoC é apoiado por 4GB de RAM e até 128GB de armazenamento.

A sua câmara é a mesma do Nokia X10, proporcionando a versatilidade que é requisitada atualmente. Já o Nokia G10 escusa-se do uso de uma lente grande angular, deixando de ser opção para quem gosta de fotografias com um amplo campo de visão.

Especificações do Nokia G10

  • Ecrã IPS LCD de 6,5" polegadas com resolução HD+
  • Taxa de atualização de 60Hz
  • Processador MediaTek Helio G25
  • 3GB ou 4GB de RAM
  • 32GB ou 64GB de memória interna
  • Câmara traseira: 13MP (principal) + 2MP (macro) + 2MP (profundidade)
  • Câmara frontal de 8MP
  • Bateria de 5050mAh
  • Carregamento a 10W

Especificações do Nokia G20

  • Ecrã IPS LCD de 6,5" polegadas com resolução HD+
  • Taxa de atualização de 60Hz
  • Processador MediaTek Helio G35
  • 4GB de RAM
  • 64GB ou 128GB de memória interna
  • Câmara traseira: 48MP (principal) + 5MP (grande angular) + 2MP (macro) + 2MP (profundidade)
  • Câmara frontal de 8MP
  • Bateria de 5050mAh
  • Carregamento a 10W

O Nokia G10 chegará às lojas europeias com um preço de venda recomendado de €140, ao passo que o Nokia G20 será vendido por €160. Ambos os equipamentos têm promessa de dois anos de atualizações.

Nokia C10 e Nokia C20 levam o básico ao extremo

Se consideras os dois modelos acima demasiado limitados, então os Nokia C10 ou Nokia C20 serão ainda menos apetecíveis. Estes são dos smartphones Android mais limitados que temos atualmente no mercado.

Nokia C20

O primeiro deste par vem equipado com um processador Unisoc Unisoc SC7331E, ao passo que segundo usa um Unisoc SC9863A. Para entenderes a limitação deste par, estes equipamentos estarão limitados a redes 3G e LTE.

A inclusão do Android Go nestes modelos nunca fora tão bem justificada, dada as limitações de hardware dos mesmos. Ambos começam com configurações de 1GB de RAM e armazenamento de até 32GB.

A nível fotográfico, tanto o Nokia C10 como o Nokia C20 limitam-se ao uso de uma lente de 5MP na traseira e na frente. Perante tantos compromissos, não é de estranhar que chegam com uma entrada microUSB.

Especificações do Nokia C10

  • Ecrã IPS LCD de 6,52" polegadas com resolução HD+
  • Taxa de atualização de 60Hz
  • Processador Unisoc SC7331E
  • 1GB ou 2GB de RAM
  • 16GB ou 32GB de memória interna
  • Câmara traseira de 5MP
  • Câmara frontal de 5MP
  • Bateria de 3000mAh
  • Conectividade 3G

Especificações do Nokia C20

  • Ecrã IPS LCD de 6,52" polegadas com resolução HD+
  • Taxa de atualização de 60Hz
  • Processador Unisoc SC9863A
  • 1GB ou 2GB de RAM
  • 16GB ou 32GB de memória interna
  • Câmara traseira de 5MP
  • Câmara frontal de 5MP
  • Bateria de 3000mAh
  • Conectividade LTE

O Nokia C10 será comercializado a partir de junho por apenas €75. Já o Nokia C20 chegará ao mercado já no mês de maio, com um preço cifrado nos €90.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.