MEO tem mais subscritores e NOS lidera nas receitas. Vodafone foi a única a crescer

Bruno Coelho
Comentar

Segundo os dados divulgados pela Anacom, em 2019 a MEO continuou a ser a operadora com mais subscritores em planos de “serviços em pacote”. No entanto, foi a NOS que liderou o mercado no que diz respeito a de receitas. Percentualmente falando, foi a Vodafone a única a crescer.

Passando aos números, a MEO liderou a prestação de serviços com 40,4% de quota de mercado, vindo a NOS logo atrás com 37,1%. A Vodafone conta com 18,6%, ficando-se a NOWO pelos 3,8%. Embora na terceira posição de mercado, a Vodafone foi a única a aumentar a quota de subscritores face ao ano anterior, em 0,8%.

A operadora “com maior quota de receitas de serviços em pacote” foi a NOS com 42,2%, seguida da MEO com 40,7%. Em terceiro lugar aparece a Vodafone com 14,2%, com a NOWO a registar 2,8%.

Neste capítulo, Vodafone e o grupo NOS aumentaram as suas quotas de receitas, em 1,3 e 0,4 pontos percentuais, respetivamente, por contrapartida da redução verificada na MEO, de 1,1 pontos percentuais, e no grupo Nowo/Onitelecom, de 0,6 pontos percentuais”.

Pacotes 4P e 5P geram 62,9% das receitas totais

É importante registar que, no total, as receitas dos serviços em pacote atingiram 1,66 mil milhões de euros em 2019, mais 4,9% do que no ano anterior”. 62,9% do total das receitas aparece de pacotes 4P ou 5P. Estes são, por exemplo, pacotes com internet, telefone, televisão, rede móvel e banda larga móvel.

Estas ofertas de 4P e 5P atingiram 2,02 milhões de subscritores, ou seja, 49,7% do total de utilizadores. Face ao ano anterior, registaram-se 225 mil novos subscritores (uma subida de 12,5%).

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.