LG G7? Dificilmente com a LG a perder tanto dinheiro...

Rui Bacelar
LG perder dinheiro Samsung Galaxy S9 Android LG G7 LG Reuters LG smartphones
O próximo topo de gama da gigante sul-coreana poderá demorar um pouco mais. ©reuters

A partir do dia 26 de fevereiro e até aos primeiros dias de março celebrar-se-á a próximo MWC 2018, o Mobile World Congress em Barcelona. O evento será o palco de apresentação dos novos Samsung Galaxy S9, Xiaomi Mi 7, novos Sony e não só. Contudo, de fora ficarão nomes como a Huawei e o LG G7. Porquê? Com o setor mobile a perder dinheiro a marca precisa de parar e repensar a sua estratégia.

O mais recente relatório fiscal da fabricante sul-coreana é uma visão triste, apesar de alguns sinais de melhoria. A prioridade nº1 será deixar de perder dinheiro com o seu setor mobile, responsável pelos seus smartphones. Até mesmo o LG G7 terá sido adiado e o seu desenvolvimento começado do zero.

Vê ainda: 37 aplicações gratuitas na Google Play Store para o teu Android

Todo o departamento de smartphones da LG continua a perder dinheiro a um ritmo alarmante. O próprio futuro do LG G7 está em cima da mesa. O prognóstico não é nada animador e de pouco adianta o fanboy mais fanboy dizer que a LG manda o G7 quando lhe apetecer. A verdade, e porque aqui prosseguimos a verdade, lançará quando o seu CEO, Hwang Jeong-hwan, o permitir.

Percebemos, sem qualquer explicação necessária que perante este relatório fiscal da LG, a necessidade de parar de perder dinheiro é a principal. A fabricante sul-coreana conseguiu atenuar as perdas para -213.2 mil milhões de RKW ou um equivalente a -192.33 milhões de dólares. Vistas bem as coisas, são sinais animadores. No 3º trimestre de 2017 a fabricante perderia 375.37 mil milhões de RKW ou 331.37 milhões de dólares como nos conta a TechCrunch.

LG continua a perder dinheiro, LG G7 não é a prioridade

A LG Mobile só conseguiu espremer um pouco de lucro no primeiro trimestre de 2017. Num total de dois anos, só nos primeiros três meses de 2017 é que conseguiria obter uma magra margem de lucro. Os números falam por si e são preocupantes. Verdade seja dita, o LG G6 até conseguiu trazer algum lucro à empresa sul-coreana.

LG G7 smartphones Android
A fabricante continua a perder dinheiro

Toda esta divisão mobile, no final do ano, registou um total de lucros com as vendas na ordem dos 10.52 mil milhões de dólares. Cifra que fica um pouco abaixo dos 11.71 mil milhões de dólares em receitas de vendas, valor de 2016. De qualquer forma é uma melhoria face ao valor obtido em 2015, ano em que a fabricante registaria uma queda de 10,8% no valor (ano a ano) no total de vendas).

"Mobile" a perder dinheiro, restantes setores positivos

A fabricante sul-coreana citou um "mercado forte e com competição das marcas chinesas". Estes foram os principais fatores que provocariam estas dificuldades ao longo do último ano.

Ora, com o contínuo crescimento da OPPO, Vivo, da Huawei e da Xiaomi facilmente percebemos que o LG G7 possa não ser propriamente a prioridade da marca. Felizmente, os setores de TV's, eletrodomésticos e ecrãs / displays revelaram-se bem positivos.

Com praticamente todas as suas rivais a apostar em dispositivos de gama média a preços muito competitivos, a fabricante sul-coreana apresentou o seu Q6. Todavia, não foi suficiente para parar de perder dinheiro. Esse será o objectivo primordial para 2018. Só depois (ou nos entretantos), é que poderá pensar no seu LG G7.

E tu, estás ansioso por conhecer o LG G7?

Assuntos relevantes na 4gnews:

Google cria nova empresa de cibersegurança, a Chronicle da Alphabet

Samsung Galaxy S9 já tem data de apresentação oficial!

Google experimenta a realidade aumentada para o seu Chrome

Fonte |

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).