iPhone 8
concept do iPhone 8

Ultimamente temos falado bastante acerca do design do novo iPhone 8. Com uma indecisão sobre a localização do novo sensor de impressões digitais, têm sido várias as teorias, e aquelas que o colocam na parte central traseira do equipamento têm-se demonstrado menos cativantes esteticamente.

Mas hoje não iremos falar novamente no design do novo smartphone da Apple. Desta feita vamos olhar para a sua performance, depois de o iPhone 8 ter supostamente passado pela Geekbench com clara distinção.

Vê também: Como é trabalhar na empresa que fabrica o iPhone? Este vídeo conta a história

   

Os conhecidos testes de benchmark servem para que consigamos ter uma noção do quão poderoso será um smartphone. Sempre o dissemos que estes resultados não são tudo e que na realidade as experiências de utilização poderão variar de utilizador para utilizador, consoante o estilo de cada um.

Mas se formos a ter em conta os resultados do iPhone 8 nesta alegada passagem pela Beekbench, então a concorrência que se prepare. A imagem que vês ao lado mostra os resultados obtidos por um modelo denominado de iPhone 10.6, a correr o iOS 11. Pois bem, o iPhone 7 era conhecido como iPhone 9.1, logo este poderá ser mesmo o seu sucessor.

Mais ainda, temos aqui um processador Apple A11, com uma frequência de 2.74GHz. O processador do iPhone 7 era um Apple A10 Fusion, cuja frequência apenas pode ascender aos 2.34GHz.

Tudo isto resulta num resultado de 4537 pontos em testes single-core e de 8975 pontos em testes multi-core. Comparando o primeiro resultado com a concorrência, vemos um aumento de 30% na sua performance face ao seu antecessor. Já quando comparado com o Galaxy S8, vemos mais do dobro da pontuação, visto que o novo topo de gama da Samsung apenas conseguiu alcançar os 1945 pontos.

Atentando agora aos resultados em multi-core do iPhone 8, vemos um aumento de performance de 58% face ao iPhone 7. Já quanto ao seu concorrente Android, o modelo que mais se aproximou destes resultados foi o Galaxy S8+ com 6338 pontos.

iPhone 8: uma nova besta de performance

Estes mesmos resultados demonstram-nos ainda que o modelo aqui em causa usufruía de uma resolução de 2800 x 1242 pixels, com um aspect racio de 20.2:9, acima dos 18.5:9 do Galaxy S8. Isto poderá ser indicador do tal ecrã de maiores dimensões que irá, supostamente, cobrir quase toda a parte frontal do novo iPhone 8.

Todavia existe a possibilidade desta imagem oriunda da china ser uma mera montagem e não ser de forma alguma verídica. Isto é algo que temos de ter sempre em conta quando falamos em rumores, seja do que for. No caso de tudo isto ser realmente verídico, então este iPhone 8 será uma verdadeira besta de performance.

Outros assuntos relevantes:

Desbloqueio por reconhecimento facial só será seguro o suficiente depois de 2021

Motorola: Será ou não a ZUI o próximo User Interface da marca?

Google e Xiaomi lançam Yi Halo, uma câmara 3D e 360º por 15 mil euros

Viaavinashtech
Fonteweibo
O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.