Huawei Mate 20 AnTuTu Kirin 980 Huawei Mate X Android Oreo
O atual topo de gama da fabricante chinesa seria apresentado em outubro último.

Não é cedo, é cedíssimo para falarmos no Huawei Mate 20. Todavia, aqui estamos perante aquela que se acredita ser a primeira fuga de informação alusiva ao terminal. Mais concretamente, o registo da sua pontuação na plataforma de testes conhecida como AnTuTu. Mais ainda, com um novo processador, o HiSilicon Kirin 980, o próximo SoC (system on chip) da fabricante chinesa.

Logo depois de termos visto um Honor 10 demasiado bom para ser verdade temos um Huawei Mate 20 já com um novo processador? Já com um novo recorde na AnTuTu com mais de 350 mil pontos? A semana não poderia começar de melhor forma ou pelo menos com rumores mais sumarentos. Em seguida vamos olhar com atenção para o que foi dito acerca deste terminal.

Vê ainda: Xiaomi crescerá mais do que nunca em 2018, aposta passará por Portugal

Em primeiro lugar, neste momento temos uma grande panóplia de smartphones a utilizar o Kirin 970, o atual SoC topo de gama da marca. Com efeito, temos aqui o Mate 10, Mate 10 Pro, o Mate 10 Porsche Design, o P20, P20 Pro. Mais ainda o novo Mate RS Porsche Design e até o Honor V (View) 10. Todos estes com o Hisilicon Kirin 970, processador que dominaria o Top 10 da AnTuTu de fevereiro.

Ora, perante tamanho alinhamento de luxo, seria de esperar que o Kirin 980 só começasse a ser discutido em finais de 2018. Será sem sombras de dúvida o processador dos Huawei Mate 20 e apesar de ainda ser muito cedo para termos certezas, começamos a ter as primeiras fugas. Mais concretamente, o registo do Huawei Mate 20 na plataforma de testes AnTuTu.

Huawei Mate 20 trará o processador Hisilicon Kirin 980

Agora que os rumores em torno deste Kirin 980 já começam a despontar como flores de Primavera, vemos uma pontuação de 356,819 na AnTuTu. É verdade, aquele que se acredita ser o Huawei Mate 20 com o Kirin 980 registou mais de 350 mil pontos na AnTuTu deixando os demais para trás. São resultados incríveis mas importa frisar que o processador ainda não foi apresentado oficialmente. Aliás, só deverá ser apresentado na segunda metade de 2018 com os Huawei Mate 20 a serem tradicionalmente apresentados em outubro.

Kirin 980 terá ultrapassado os 350 mil pontos na AnTuTu

Huawei Kirin 970 Mate 10 Hisilicon Kirin 980 Huawei Mate 20
A fabricante chinesa já estará a desenvolver a próxima geração de processadores topo de gama.

Importa aqui salientar que a listagem do suposto Huawei Mate 20 na AnTuTu não revelou qualquer característica técnica do dispositivo. Mais ainda, a título de curiosidade, nesta altura o mais provável será termos aqui o registo de um protótipo que poder, ou não, ser o Mate 20. Ainda assim, com uma impressionante pontuação de 356,819 pontos na AnTuTu é difícil esconder o entusiasmo.

A assunção de que o processador utilizado é o Kirin 980 prende-se com o grande diferencial de pontuações face ao Kirin 970. Podemos ver que estes resultados deixam os anteriores recordistas (no mundo Android), os Mate 10, Mate 10 Pro e Honor V10 bem para trás. A única explicação para estes valores? Ou é uma farsa ou então é um novo processador com um novo dispositivo.

Huawei Mate 20 deverá chegar em outubro de 2018

Desta forma, a única explicação lógica para tamanho diferencial de pontuações – 214,750 pontos do Mate 10 face aos mais de 350 mil pontos – será a utilização de um novo SoC. Veja-se em seguida o registo da pontuação na plataforma de testes AnTuTu. É sem dúvida um novo recorde que deixa todos os demais para trás.

Novos recordes na AnTuTu, liderados pela Huawei

Huawei Mate 20 AnTuTu Kirin 980
Podemos aqui ver a listagem com as novas pontuações. Prestemos também atenção ao grande diferencial de pontos.

Mais uma vez, ainda é extremamente precoce para estarmos a falar deste terminal Android ou do seu processador. Todavia, começamos agora a ver alguns indícios de que será produzido pela TSMC segundo um novo processo de produção a 7nm. Algo que efetivamente o tornaria mais poderoso e mais eficiente a nivel energético. Mais ainda, veremos também a Samsung a tomar este curso de ação e a apostar na litografia a 7nm para 2018.

O que esperar dos Kirin 980 e dos Huawei Mate 20?

Acredita-se que o Kirin 980 traga núcleos Cortex A75 e claro, uma nova geração do núcleo de processamento neural. Este núcleos é conhecido como o NPU para a Inteligência Artificial (IA). Ora, sendo este um dos vetores em que a marca mais tem apostado para diferenciar os seus produtos. Para 2018 a aposta na Inteligência Artificial continuará a dominar a agenda da marca.

Teremos também os Huawei Mate 20 (Mate 20 Pro e demais variantes), com a presença da conectividade Bluetooth 5.0. Esta última permite-te, por exemplo, emparelhar o smartphone com mais do que um altifalante ao mesmo tempo. Mais ainda, o novo processador será mais eficiente no consumo energético. Consequentemente, a autonomia de bateria deverá ser ainda melhor.

Por último espera-se que o Huawei Mate 20 apresente um ecrã de 5.9 polegadas. Apresentará um formato 18:0 e uma resolução Quad-HD+ com ecrã AMOLED. Poderemos ter também um Mate 20 Pro, com mais memória RAM. Mais ainda, possivelmente 6 a 8GB de RAM com 128 a 256GB de armazenamento interno expansível.

A aposta nas câmaras fotográficas, a par da inteligência artificial, continua a caracterizar os equipamentos da marca. Ora, para os Mate 20 teremos, pelo menos, uma câmara dupla tal como nos atuais Mate 10. Acredita-se que os terminais sejam apresentados em outubro de 2018.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Honor 10 deslumbra em novas fotos com ecrã completo

DxOMark mostra-nos a parte frontal do OnePlus 6

Xiaomi Mi 7: Será esta nova imagem a traseira do próximo topo de gama?

Fonte | via

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).