Google tem a melhor assistente virtual, atenção Bixby, Siri e Alexa

Rui Bacelar
Comentar

As assistentes virtuais "moram" atualmente nos nossos telemóveis, televisores e altifalantes inteligentes. Também estão presentes nos relógios inteligentes e são já presença assídua nos nossos lares. Porém, conforme aponta um novo teste em vídeo, a Assistente Google é a mais versátil, dominando o panorama face às rivais Alexa da Amazon, Siri da Apple e Bixby da Samsung.

Fora da lista ficaram alternativas disponíveis apenas na China como é o caso da XiaoAI da Xiaomi, entre outras como a própria alternativa da Huawei. Em seguida podem ver as conclusões do teste em vídeo às assistentes mais populares na Europa.

Assistente Google é a melhor assistente virtual neste fim de 2022

Assistente Google Android

Esta comparação recente vem colocar frente a frente as soluções das principais tecnológicas no mercado em 2022. Em causa temos as assistentes virtuais da Google, Amazon, Apple e Samsung.

Tal como podemos observar, os resultados apresentam algumas diferenças entre cada proposta, na forma como respondem aos comandos, respondem ao utilizador e cumprem as tarefas pretendidas.

Porém, certo é que nada nos preparava para um diferencial tão notório entre o grau de resposta entre estas soluções. Os resultados são claros e há ainda muito espaço para melhoria e crescimento nas soluções da Samsung, Siri e também da Alexa da Amazon.

Teste em vídeo comprova a capacidade de resposta das várias assistentes virtuais

A comparação foi encetada pelo youtuber Marques Brownlee (@mkbhd) onde se confrontam as várias soluções no mercado. Se, por um lado, estas assistentes estão longe de ter todos os idiomas que desejaríamos, com o português de Portugal a ser um desses exemplos.

Além disso, a integração de cada uma destas soluções com os demais dispositivos inteligentes que possamos ter no lar também não é uniforme. É aqui que a Assistente Google dá cartas, com a Alexa da Amazon a estar muito bem colocada e até mesmo a Bixby da Samsung com o suporte para a Matter.

A Alexa da Amazon mostra também grande potencial, mas está muito longe de providenciar uma resposta (discurso) tão natural quanto a Assistente Google, sobretudo em inglês.

Siri, Alexa e Bixby têm ainda muito para melhorar face à Assistente Google

Por outro lado, a Siri, desenvolvida pela Apple, está muito desenvolvida e capaz de executar as mais diversas ações no ecossistema de produtos da maçã. Porém, fora destes está muito aquém das capacidades de pesquisa, fornecimento de ligações de compra e opções de contexto para o utilizador.

Em suma, neste fim de 2022 fica mais uma vez clara a supremacia da Google no que concerne às assistentes virtuais. As diferenças são ainda muito significativas e, para quem quiser tirar máximo partido destas assistentes, então a solução mais facilmente recomendável é sem dúvida a da Google.

Remember when grown-up Kevin McCallister is home alone again, but he has Google assistant to keep his house very jolly?#HomeAlone #Google #Christmas #ChristmasCommercials #GoogleAssistant pic.twitter.com/hkLQNBtNGR

— Ethan (@geekinoutethan) 16 de dezembro de 2022

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com a atualidade tecnológica na 4gnews. Email: ruibacelar@4gnews.pt