Google Pixel 3 terá de ser mais do que apenas 'mais um Android'

Filipe Alves

Google Pixel 3 terá de ser mais do que apenas 'mais um Android'O Google Pixel 3 deverá ser anunciado em outubro deste ano e há muito que se espera que a Google nos ofereça um Android verdadeiramente topo de gama.

O primeiro ou segundo Google Pixel convenceram com o software, porém, com a tendência do Android One, serão mais terminais no mercado com a versão pura do Android. Quero com isto dizer que a Google precisa de nos dar um Pixel verdadeiramente impressionante.

Vê ainda: Sony passa em benchmark com o novo processador Snapdragon 855

Andei com o Pixel 1 como equipamento diário por uns bons tempos. Adorei o smartphone em quase todas as situações, contudo, acabei por investir num design e características mais arrojadas do iPhone X.

Não me entendas mal, detesto a notch do iPhone X e não me parece que seja a melhor opção, mas foi um dos poucos que quis fazer algo de diferente.

Google Pixel 3 terá de nos dar algo mais do que "Android Puro"

Temos fabricantes Android que temos de considerar se preferires o sistema da Google. O Galaxy S9 ou até o P20 Pro da Huawei. Estas são excelentes opções no mercado Android que merecem ser postas em consideração.

Embora acredite que a Samsung nos ofereça mais pelo preço solicitado, o P20 Pro tem, segundo a DxOMark, a melhor câmara fotográfica num smartphone.

Com a evolução dos equipamentos em 2018, o Pixel 3 não pode ser apenas mais um smartphone com Android puro. Terá, na minha opinião, de trazer características que o façam entusiasmante.

Carregamento sem fios, resistência a água e ecrã AMOLED são algumas das características que um topo de gama em 2018 devia ter.

Rumores referem que o Google Pixel 3 não será propriamente o mais bonito. Fala-se ainda que o 3XL trará a mal amada notch. Sinceramente, se as imagens estiverem corretas o smartphone não me surpreende nem um pouco.

Esperemos ainda que a Google seja um pouco mais ativa em mercados que continua a ignorar. O Google Pixel 3 até pode ser um smartphone fantástico mas se não estiver numa loja ao lado dos outros topos de gama não venderá.

A Google precisa de encarar o segmento mobile de forma séria. Sei que os smartphones estão longe de ser o negócio mais lucrativo da empresa americana. Contudo, o público está cansado de ver a empresa de Mountain View a deixar algo sempre "por fazer".

Assuntos relevantes na 4gnews:

Xiaomi Mi MAX 3 – Lei Jun mostra-nos a caixa do seu próximo Android

Especificações do Huawei Nova 3 emergem antes da sua apresentação

Apple: Futuro iPhone passa pela GeekBench e mostra-nos o que esperar

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.