Google Meet torna ainda melhor uma das suas funcionalidades

Bruno Coelho
Comentar

O Google Meet é um dos serviços que nos permite realizar videochamadas, e que muito útil foi para quem privilegia esta plataforma em cenário de confinamento. E agora prepara-se para ficar ainda melhor.

Uma das melhores do Google Meet é “mão levantada”. Esta permite ao anfitrião da reunião ou conversa saber quando alguém quer intervir. Em comunicado, a Google explica como a vai fazer com que essa funcionalidade seja mais facilmente notada. Esta e outras novidades detalhadas abaixo.

As mudanças no Google Meet nas "mãos levantadas"

  • Um ícone visual e animação atualizados e aprimorados nos blocos de vídeo
  • Os blocos de pessoas com as mãos levantadas podem ser movidos para ficar mais visíveis na janela de vídeo
  • Uma notificação de áudio para todos os participantes quando a primeira mão levantada for levantada
  • Uma notificação clicável que mostra o número de mãos levantadas e que se vincula a uma fila ordenada de todos os participantes com as mãos levantadas
  • A mão de um participante será baixada automaticamente depois de este falar

google

Desta forma será mais fácil a quem está a falar perceber quando alguém levantou a mão. E os restantes participantes na conversa que tenham levantado a mão, também saberão facilmente quando é a sua vez de falar. Assim que falares deixa de ser necessário baixares a tua mão virtual, já que o processo passa a ser automatizado.

A funcionalidade estará a ser lançada de forma gradual para todos os utilizadores dos planos Workspace Essentials, Business Standard, Business Plus, Enterprise Essentials, Enterprise Standard, Enterprise Plus, Education Fundamentals, Education Plus, Nonprofits e G Suite Business.

Não estará disponível para reuniões organizadas por quem tem Google Workspace Business Starter, G Suite Basic ou contas pessoais.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.