Google explica o porquê de tanta instabilidade nas apps do Android

Rui Bacelar
Comentar

A sintomática fez-se sentir com particular incidência no passado mês de março com várias apps da Google - e de terceiros - a apresentar falhas graves como os force closes. Aplicações que deixavam de funcionar sem razão aparente, mas há explicação.

Segundo a própria Google, devido a um problema de configuração no WebView, um "componente" de navegação ou parte integrante do sistema operativo Android que permite abrir páginas web e abrir links sem sair da aplicação em utilização.

Várias apps do Android apresentaram falhas no funcionamento

Cerca de um mês após milhares de utilizadores do Android terem apontado falhas gerais no sistema com várias apps a fechar sem aviso, ou justificativa, tudo se deveu a uma falha no WebView. Este componente do sistema apresentava uma falha de configuração.

A missiva partilhada recentemente pela tecnológica detalha o que ocorreu, quando se deu o pico de falhas e algumas das justificações para tal. Foi a 22 de março de 2021 que se registou o pior dia para as apps do Android, ainda que a incidência variasse.

De qualquer modo, a Google aponta o dedo a um "bug" no Chrome e na WebView provocando uma instabilidade em várias aplicações do Android. Mais concretamente, na maioria das apps que integram o WebView para abrir páginas web e links da Web.

A justificação foi avançada agora pela Google Workspace

Today we’re announcing even more #GoogleWorkspace features to empower all the ways that work happens in an ever-changing world. Learn how we’re creating a work experience that enhances collaboration and strengthens human connection → https://t.co/NMwAzrvYVk pic.twitter.com/kRceDHdttA

— Google Workspace (@GoogleWorkspace) 1 de março de 2021

A justificação foi avançada pela Google Workspace, ramo da tecnológica focada nas soluções de trabalho e produtividade. Foi também pela sua mão que a tecnológica afirmou ter corrigido deste então este lapso e reforçado todo o WebView.

"Para corrigir a instabilidade foram disponibilizadas atualizações para o binário do Chrome e do WebView. Estas novas versões foram disponibilizadas através da Google Play Store, chegando aos utilizadores de forma automática ou manual".

Ainda de acordo com a empresa, uma atualização de correção foi imediatamente disponibilizada após a deteção dos bug. Ainda assim, a experiência de utilização de milhões de apps Android foi - ainda que temporariamente - comprometida.

A solução? Manter as apps atualizadas no Android

Por fim, caso ainda sintam algum tipo de erros, instabilidade ou apps que fecham sem explicação, verifiquem a existência de atualizações disponíveis. A empresa afirma já ter solucionado o erro com as recentes distribuições de software.

Para tal, acedam ao menu "Os meus jogos e apps" na Google Play Store e verifiquem a existência de atualizações.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.