Google firma acordo de patentes com a chinesa Tencent

Rui Bacelar
Tencent Google Linux Debian Ubuntu patentes acordo de patentes
A gigante tecnológica de Mountain View tem novidades

Da China chegam-nos mais novidades relacionadas com a norte-americana Google. A empresa responsável pelo motor de pesquisa mais popular do mundo acaba de anunciar um vasto acordo de licenciamento de patentes. Este acordo de patentes foi firmado com a tecnológica chinesa, Tencent. As suas implicações serão sentidas num futuro próximo.

Segundo nos conta a Bloomberg, os termos do acordo não foram divulgados ao público (prática comum) mas, segundo as afirmações da própria Google, o acordo com a Tencent estará avaliado em 500 mil milhões de dólares. O acordo sobre o licenciamento de patentes cobrirá uma vasta gama de temas e produtos.

Vê ainda: 23 aplicações gratuitas na Google Play Store para o teu Android

Ainda de acordo com a peça da Bloomberg, o acordo firmado entre a Google e a Tencent abrange vários produtos e tecnologias com a ênfase colocada no expressão "a longo prazo". Ambas as empresas comprometeram-se a trabalhar em conjunto daqui em diante para desenvolver novas tecnologias e expandir as barreiras da inovação.

Google firma acordo de patentes com a Tencent

"Estamos entusiasmados e contentes por firmar este acordo de patentes com a Tencent. Ao trabalhar conjuntamente em acordos como estes, as maiores empresas de tecnologia podem concentrar-se em construir e desenvolver novos produtos e soluções". Declarações de Mike Lee à Bloomberg. Lee desempenha atualmente funções como chefe do departamento de patentes e licenciamento da Google.

Cumpre salientar que a esmagadora maioria dos serviços e o próprio motor de pesquisa da Google estão completamente bloqueados na China. Situação que remonta a 2010 quando o motor de pesquisa se recusou a aplicar filtros e censura prévia naquele país. A imposição do governo chinês era firme e clara. A empresa norte-americana não acatou as ordens. O resultado foi a sua saída, ainda nesse ano, do país.

Recentemente a Google abriu um centro de pesquisa e desenvolvimento na província de Shenzhen, a capital mundial da tecnologia. A pouco e pouco, parece estar a querer voltar a este país. Este recente acordo de patentes com a Tencent, uma das maiores empresas do país, é um bom presságio.

Por sua vez, a Tencent é uma das maiores e mais influentes empresas chinesas. Uma gigante do mundo da tecnologia é particularmente forte no mundo gaming. É a responsável pelo serviço de comunicações WeChat. É também uma das investidores na Snap, Tesla e até no Spotify.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Samsung Galaxy S9. Já sabemos como será a Fotografia e Vídeo

Google Allo e Google Duo deviam seguir o exemplo do Google Pay

Android One . Xiaomi Mi A1 e as suas principais alternativas

Fonte | Via

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.