Facebook Dating pode estar prestes a chegar à Europa

Bruno Coelho

O lançamento já tinha sido anunciado em novembro passado. Seria, portanto, uma questão de tempo até o Facebook lançar a sua solução de encontros globalmente. Os testes começaram no Canadá e Tailândia e começam aparentemente agora a chegar a terreno europeu.

As imagens mostram a aplicação a correr em holandês e francês. Tendo em conta a dimensão da Holanda, se estes planos estiverem certos, não devemos demorar até esta ser global. E, muito potencialmente, teremos no Facebook Dating, o princípio do fim do Tinder.

Facebook Dating pode estar prestes a chegar à Europa

O Facebook Dating pode acabar com o Tinder

Já o vimos acontecer com aplicações como o Snapchat. As histórias do Instagram fizeram, basicamente, morrer aquela rede social. Ao que tudo indica, o Facebook Dating segue o mesmo método de ‘swipe’ do Tinder. Aliás, como se sabe, o Facebook não tem mesmo problemas em copiar algo com sucesso.

Estamos a falar de uma empresa com a vantagem de ter mais de 2 mil milhões de utilizadores ativos. E boa parte destes solteiros. Ou seja, o potencial da família Facebook é sempre grande no que toca a um lançamento destes. Podemos estar mesmo a falar da futura App raínha no que aos encontros diz respeito.

Facebook Dating pode estar prestes a chegar à Europa

As imagens foram descobertas pelo site gratisdatingtips.nl e mostram-nos como a aplicação vai correr no smartphone. Aparentemente, os utilizadores poderão aceder à sua secção de dating através da conta de Facebook. Ou seja, esta estará dentro da própria App do Facebook e não separadamente.

O Dating ficará dentro da própria App do Facebook

O utilizador pode escolher que fotos quer ou não quer que os outros vejam. Quanto aos restantes dados, aparecerão automaticamente, baseados na conta de Facebook. Além disso, cada um poderá colocar um texto introdutório sobre si, com até 500 caracteres.

Facebook Dating pode estar prestes a chegar à Europa

A partir daqui, será em tudo muito semelhante ao Tinder. Tirando o facto de não ter de haver um match para se poder iniciar conversação. O utilizador poderá pesquisar com as características que quiser, como idade, género, religião ou localização. Ainda assim, os outros utilizadores apenas verão o teu primeiro nome.

Tendo em conta estas imagens, deve ser uma questão de tempo até o Facebook Dating ser global. Assim que tal acontecer, é muito provável que o Tinder vá sofrer com a chegada. Não só pela grande base de dados que o Facebook possui, mas também porque a empresa de Zuckerberg é ótima na arte copiar fórmulas de sucesso.

Editores 4gnews recomendam:

Via | Fonte

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.