Este simples truque da Google diminui em 50% as falhas de segurança online

Rui Bacelar
Comentar

As melhores soluções são amiúde as mais simples e de aplicação imediata em larga escala. Com efeito, a verificação em duas etapas, ou autenticação de dois fatores, após a configuração e ativação inicial é um dos melhores garantes de segurança online.

Ainda que só recentemente parte da população tenha despertado para a importância da cibersegurança, certo é que a Google tem alertado para a necessidade de, pelo menos, ativar este simples truque para dificultar as invasões de conta / perfil Google.

Autenticação de dois fatores diminui em 50% as brechas de segurança

San Francisco: Tech giant Google said that Google account hacks dropped by half after it pushed two-step verification (2SV) by default in 2021. Last year, the company said it auto-enrolled over 150 million people in two-step verification. As a result of this effort, the company s pic.twitter.com/IQKYAd5ivk

— Deccan News (@Deccan_Cable) 9 de fevereiro de 2022

A Google publicou recentemente os resultados da aplicação e distribuição geral do mecanismo de autenticação em dois fatores para os seus serviços. Fê-lo no seu blog oficial onde deu conta da inscrição de aproximadamente 150 milhões de contas que passaram a contar com a autenticação em dois fatores.

De igual modo, a tecnológica norte-americana afirmou ter aconselhado, ou mesmo obrigado alguns criadores de conteúdos no YouTube, cerca de 2 milhões de conta, a ativarem esta verificação em duas etapas. Como resultado, a empresa aponta uma queda de 50% nos ataques bem sucedidos às contas e perfis Google.

São ótimos resultados numa altura em que a segurança online tem feito manchetes pelos piores motivos em Portugal. Ou seja, vemos com bons olhos este esforço da Google em dar a conhecer, facultar, ou mesmo obrigar os utilizadores a ativar esta simples mas eficaz barreira de segurança.

Há várias maneiras de ativar e usar a autenticação em dois fatores

Google

Esta metodologia de segurança consiste na utilização de uma chave física, ou digital que será pedida após o utilizador inserir o seu nome de utilizador / email e password. Pode consistir numa verificação no telemóvel, computador, código recebido por SMS, etc.

Paralelamente, para uma aplicação ainda mais segura, as chaves físicas são a opção utilizada pelos profissionais de IT. Não obstante, qualquer utilizador pode ativar a autenticação de dois fatores a partir do seu smartphone Android.

Google

Tudo o que tem a fazer é abrir a aplicação Google, aceder ao menu de gestão da Conta Google e em seguida a Segurança. Será nesse menu que encontrará a opção de Autenticação no Google com a possibilidade de ativar este garante de segurança.

Por fim, esta mesma metodologia está disponível para o WhatsApp, várias aplicações bancárias, bem como para algumas contas de Facebook.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com as novidades de tecnologia na 4gnews. Email: ruifbacelar@gmail.com