Apple vai ser cada vez mais Apple com modems 5G proprietários em 2023

Mónica Marques
Comentar

A Apple vai começar a usar modems 5G proprietários, já a partir de 2023.

A estratégia da empresa passa por desenvolver os seus próprios componentes e tornar-se independente de marcas como a Qualcomm e Intel.

iPhone de 2023 pode já integrar modem proprietário da Apple

Apple M1
A Apple apresentou o seu processador M1 no novo MacBook Pro

A partir de 2023, a Apple vai começar a utilizar modems 5G proprietários que podem ser já incluídos nos iPhones que forem lançados nessa data. A informação está a ser avançada pelo site Nikkei Asia que adianta ainda que será a fabricante taiwanesa TSMC que irá produzir os modems projetados pela Apple.

Na realidade, com esta opção a empresa de Cupertino quer ter mais autonomia e tornar-se independente de marcas como a Qualcomm ou Intel, por exemplo. Aliás, esta é uma estratégia que não é surpreendente se recuarmos um pouco nos anos até 2019.

Foi exatamente nesse ano que a Apple adquiriu uma grande parte da área móvel da Intel, especificamente a área direcionada para o desenvolvimento de chips e modems 4G e 5G. A compra foi avaliada em mil milhões de dólares e permitiu à Apple começar a sua caminhada para evitar a dependência de terceiros, no desenvolvimento de componentes.

Apple está a trabalhar no seu próprio chip de gestão de consumo de energia

Com as novas revelações, a estratégia de Cupertino parece manter-se inalterada. De acordo com fontes próximas do projeto, a Apple "está a desenvolver os seus próprios componentes para lidar com radiofrequências e ondas milimétricas para complementar o modem".

Mas mais, ao que tudo indica a empresa de Tim Cook está também a trabalhar no seu próprio chip de gestão de consumo de energia, especificamente desenvolvido para o modem. Como já vem sendo hábito da Apple, a tentativa será otimizar a tecnologia já existente.
Há já algum tempo que os mais variados especialistas e analistas apontavam para que a Apple mudasse de modems até 2023 e, estas últimas revelações, vêm confirmar a profecia.

ipad

Modems proprietários da Apple já terão iniciado a fase de testes

Por seu lado, a Qualcomm não comentou o assunto. Ainda que há algumas semanas tenha feito saber que em 2023 a Qualcomm apenas ia fornecer modems a 23% de unidades de iPhones. Segundo esta fabricante, a Apple vai continuar a usar modems Qualcomm nos seus modelos iPhone, mas somente em alguns mercados selecionados, a partir desta data.

Ainda de acordo com fontes ligadas ao projeto, a Apple já terá iniciado uma fase de testes para os seus modems proprietários que podem beneficiar de uma gravação de 5 nm. E se tudo correr pelo melhor, no próximo ano os SoCs da Apple vão já mudar para 4 nm, sendo que os modelos iPad de 2022 ficam com um processo de gravação de 3 nm.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.