Apple pode estar a preparar-se para abraçar uma nova aventura

Mónica Marques
Comentar

A Apple pode estar a preparar-se para "abraçar a aventura" de produzir os seus próprios chips com conectividade 5G e Wi-Fi.

Um sinal indicador é o facto de a empresa de Cupertino ter publicado anúncios de emprego para engenheiros com experiência em chips de modem e outros tipos de semicondutores sem fio.

Apple à procura de engenheiros especialistas em chips de modem

Apple logo
Apple continua caminhada para se tornar mais independente de empresas de terceiros

De acordo com a agência de notícias Bloomberg, a Apple pode expandir a sua área e negócio e começar a produzir os seus próprios chips com conectividade 5G e Wi-Fi, de forma a ficar mais independente de empresas terceiras, como a Broadcom e a Skyworks Solutions.

Tudo porque foram detetados anúncios de emprego para a Apple que procuram especificamente engenheiros com experiência no desenvolvimento de chips de modem e outros semicondutores sem fios.

Quando a Apple começa a mostrar interesse sobre um determinado tipo de talentos, geralmente, tal resulta em más notícias para os seus fornecedores e que o diga a Intel. Por outro lado, este tipo de notícias tem também reflexo direto imediato sobre os fornecedores visados.

E, como tal, a Skyworks caiu logo cerca de 11% na bolsa de valores enquanto a Broadcom e a Qualcomm registaram uma queda menor de 4%.

Apple e seus fornecedores não comentam as notícias divulgadas

Apple iPhone 13
Legenda

Ainda segundo a agência noticiosa Bloomberg, os engenheiros que irão ser contratados pela Apple vão trabalhar em rádio sem fios, circuitos integrados de radiofrequência e um sistema sem fios num chip (ou SoC).

Atualmente, todos estes componentes são fornecidos à Apple pela Qualcomm, Skyworks e Broadcom. O que significa que a empresa de Cupertino está a dar mais um passo rumo à sua maior independência de terceiros, ao produzir os seus próprios componentes.

A Bloomberg tentou obter, de todas as empresas visadas, um comentário, mas todas, Apple incluída remeteram-se ao silêncio, não tecendo qualquer comentário sobre este assunto em particular.

Apple aproveita o seu know-how e descentraliza instalações

Apple
As instalações da Apple em Cupertino (na imagem) são conhecidas globalmente

E a Apple até pode fazer uso do know-how que já detém no trabalho feito em chips sem fios. Recorde-se que os auscultadores AirPods e o Apple Watch incluem já componentes personalizados que os permitem emparelhar com outros equipamentos. Também o iPhone mais recente está já equipado com o chip U1, de banda larga, para uma melhor localização geográfica e para se conectar com o acessório AirTag.

Por outro lado, a produção própria de chips levaria também a Apple a ter mais instalações fora de Silicon Valley, uma vez que o anúncio de emprego refere a região de Irvine, situada em Orange County, no sul de Los Angeles. Ou seja, depois de ter ampliado as suas instalações em San Diego, a Apple pode preparar-se para descentralizar mais e marcar presença em outras regiões norte-americanas.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.