Apple finalmente responde às falhas de segurança descobertas pela Google

António Guimarães
Comentar

A Apple respondeu às afirmações da Google em relação às várias falhas de segurança descobertas no iOS. A empresa de Cupertino salienta que as falhas não são "em massa" como descrito pela Google mas em pequena escala.

A empresa ainda esclarece que quando a Google lançou o relatório de falhas, as mesmas já tinham sido corrigidas há 6 meses, através de patches de segurança. A Apple ainda mencionou que a Google passou erroneamente "uma falsa imagem de exploração em massa e monitorização dos dados privados de populações inteiras".

Segundo a Apple, todas as vulnerabilidades foram resolvidas 10 dias após tomarem conhecimento das mesmas, em fevereiro. "Quando a Google nos abordou sobre as falhas, nós já estávamos a trabalhar para resolvê-las".

iphonre 6s

As falhas encontradas pela Google

A Google e a sua equipa Project Zero tem passado as últimas semanas a publicar sobre vulnerabilidades encontradas no iOS. Algumas delas permitiam acesso a todo o equipamento sem conhecimento do utilizador.

Outras permitiam facilmente fazer o processo de Jailbreak (aceder intencionalmente à administração total do equipamento). Adicionalmente, uma série de sites mal intencionados conseguiam aceder ao iPhone apenas através da visita do utilizador ao site em questão.

Um erro da própria Apple permitiu o Jailbreak

Há umas semanas, utilizadores descobriram uma vulnerabildiade no iOS chamada Sock Puppet Exploit. A mesma foi prontamente utilizada para atualizar duas ferramentas de Jailbreak que conseguiram 'quebrar' o iOS com sucesso.

As ferramentas em questão chamam-se Chimera e Unc0ver sendo que esta última conseguiu chegar à versão de iOS mais recente, a 12.4. Já a Chimera funciona no iOS 12.2, 12.3 e iOS TV 12.2. No entanto, a Apple afirma que entretanto já corrigiu a falha e já não é possivel fazer o Jailbreak nessas versões.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.