Anker lança a sua maior estação de carregamento de sempre

Mónica Marques
Comentar

A Anker acaba de lançar a 757 Powerhouse que é a sua maior estação de carregamento e uma autêntica central de energia.

Oferece 1,5 kW de potência, tem seis tomadas CA e ainda fornece carregamento USB Tipo-C de 100 watts. Mas com 20 quilos de peso é pouco pesada para transportar.

Anker 757 Powerhouse é mais segura que as baterias de ião lítio

Anker 757 Powerhouse
A nova estação Anker 757 Powerhouse pode ser carregada através de uma configuração de painéis solares

A Anker acaba de lançar no mercado a sua estação de carregamento mais recente que é também a unidade maior do género da marca. Pesa 20 quilos, o que a pode tornar difícil de transportar, mas é talvez um dos equipamentos essenciais em viagem porque garante que ninguém tem bateria fraca nos momentos mais cruciais.

De acordo com a marca, a nova estação oferece mais longevidade no tempo e é também mais segura que as restantes baterias de ião lítio. Bons argumentos, mas que ainda não convencem qualquer utilizador a transportar 20 quilos.

A marca assegura que a 757 Powerhouse tem capacidade para até 3 mil ciclos de carregamento, graças à sua bateria LiFePO4. Mais: segundo a Anker a nova estação pode carregar-se de até 80% em apenas uma hora, o que é admirável.

Anker 757 Powerhouse pode ser carregada através de eletricidade ou painéis solares

Para que vários utilizadores possam carregar vários dispositivos em simultâneo, a Anker 757 Powerhouse está equipada com seis tomadas CA, além de que também fornece carregamento USB Tipo-C de uns incríveis 100 watts e ainda quatro portas USB Tipo-A com carregamento de 12 watts. Acrescente-se também uma entrada para isqueiro do carro.

Para se autocarregar a nova 757 Powerhouse da Anker tanto funciona com a rede elétrica local, como uma configuração tripla de painéis solares de 300 watts. Estes painéis são vendidos separadamente da unidade de carregamento e, infelizmente, a marca não divulgou o seu custo.

A nova Anker 757 Powerhouse está disponível por 1.400 dólares, ou seja, algo como cerca de 1.290 euros e a marca oferece uma garantida prolongada no tempo de cinco anos.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.