A controvérsia continua! Huawei é suspeita de fazer negócios com a Coreia do Norte

António Guimarães
Comentar

De acordo com o Washington Post, a Huawei está envolvida em negócios com a Coreia do Norte há cerca de 8 anos. O jornal americano acredita que a Huawei ajudou a desenvolver redes e infraestruturas sem fio dentro do país.

A Huawei negou presença em território Norte-coreano

Um porta-voz da Huawei negou por completo estas acusações dizendo que não existem negócios entre os dois países. O porta-voz recusou-se a verificar documentos providenciados pelo Washington Post e não fez mais declarações.

A Huawei e a Panda Electronics

Uma das supostas provas da situação é a relação da Huawei com a organização Panda International Information Technology, que pertence à empresa Panda Electronics. A Panda Electronics especializa-se em comunicações móveis militares e caseiras, eletrodomésticos, painéis LCD e software.

A verdade é que a Huawei tem uma relação de negócios com a Panda Electronics. Na secção de informações do site oficial da empresa, consta o histórico da mesma, datando a relação com a Huawei desde 2007.

panda huawei

É difícil provar que a relação com esta empresa signifique uma colaboração entre a Huawei e a Coreia do Norte. O Washington Post afirma que é verdade, tendo mantido as fontes anónimas, por medo de represálias.

A Casa Branca teve uma reunião onde a Huawei foi assunto

Hoje marca o dia de uma reunião na Casa Branca com oficiais do governo e de empresas americanas como Google e Micron. Sendo o assunto negócios e tecnologia, a Huawei será inevitavelmente um assunto.

Esta notícia poderá afetar o resultado a reunião pois esperava-se que o Departamento de Comércio oficializasse finalmente a 'liberdade' da Huawei. Isto após Trump declarar há semanas que tudo iria voltar ao normal.

Caso seja verdade, é provável que a Huawei tenha utilizado tecnologia de empresas americanas no processo. Assim sendo, esta situação pode provar que a Huawei quebrou leis de exportação internacional, que proíbem certos negócios com a Coreia do Norte.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.