Xiaomi: vem aí um novo modelo Turbo para aumentar a família Redmi

Mónica Marques
Comentar

A Xiaomi já apresentou oficialmente a sua nova série Redmi Note 12 que conta com recursos interessantes a preços mais amigos da carteira.

Mas, de acordo com os rumores mais recentes, a marca chinesa vai aumentar novamente esta família com um novo modelo Turbo.

Xiaomi pode lançar Redmi Note 12 Turbo apenas em alguns mercados selecionados

Xiaomi Redmi Note 12
Cartaz de apresentação do Redmi Note 12 publicado na rede social chinesa Weibo Crédito@Xiaomi

Em outubro de 2022, a Xiaomi apresentou a sua série Redmi Note 12 que chegou com recursos interessantes, “embrulhados” em modelos elegantes e com preços mais acessíveis. Mas parece que a marca chinesa quer ampliar mais a oferta nesta série em específico.

De acordo com o leaker Kacper Skrzypek, a Xiaomi está a preparar o lançamento de um novo terminal: o Redmi Note 12 Turbo. Mas antes que as expetativas aumentem, o conhecido leaker salienta que este modelo poderá ser disponibilizado apenas em alguns mercado selecionados.

Para já, parece que a Índia será um dos países que vai receber este modelo Turbo, mas não foram avançadas informações sobre outros mercados, nomeadamente o europeu.

Quanto às especificações técnicas do novo modelo, Kacper Skrzypek também não faz grandes revelações, dizendo apenas que o Redmi Note 12 Turbo será alimentado por um processador Snapdragon da Qualcomm.

Especificações Redmi Note 12 5G

Ainda que exista pouca informação disponível sobre o novo Redmi Note 12 Turbo, é expetável que este herde algumas (senão mesmo muitas) das características do já disponível Redmi Note 12 5G. Por essa razão, vamos recordar aqui as suas principais especificações.

O Redmi Note 12 5G integra um ecrã AMOLED de 6,67 polegadas que fornece uma resolução Full HD+ (2400x1080 pixéis), um brilho máximo de 1.200 nits e ainda uma taxa de atualização de 120 Hz.

É alimentado pelo processador Snapdragon 4 Gen 1, baseado no processo de 6 nm, que está emparelhado com de até 6 GB de memória RAM LPDDR4x e de até 256 GB de armazenamento UFS 2.2, expansível até 1 TB através da entrada para cartões microSD.

No departamento ótico, apresenta uma configuração de câmara traseira tripla com um sensor primário de 48 megapixéis que é complementado por um ultrawide de oito megapixéis e um sensor macro com dois megapixéis de resolução.

Inclui a interface MIUI 13, baseada no sistema operativo Android 12, é resistente a poeiras e salpicos com certificação IP53, além de integrar também uma bateria robusta de 5.000 mAh com suporte para carregamento rápido de 33 watts.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. Email:monicamarques@4gnews.pt