Xiaomi TV Stick 4K (2023) é oficial! Uma atualização questionável

Carlos Oliveira
Comentar

A Xiaomi apresentou hoje o seu mais recente gadget para reprodução de conteúdo em qualquer televisão. Chama-se Xiaomi TV Stick 4K e sim, mantém a mesma designação do modelo que a chinesa apresentou em finais de 2021.

Não foi apenas o nome que a Xiaomi decidiu manter inalterado face à geração anterior deste gadget para reprodução de multimédia. Os seus internos também pouco mudaram e isso faz.interrogar-nos qual o motivo para o lançamento deste produto.

Xiaomi TV Stick 4K (2023) é praticamente igual ao seu antecessor

Foi de forma tímida que a XIaomi deu a conhecer o novo TV Stick 4K. O anúncio chegou com pouco alarido através do site oficial da Xiaomi na Índia, que é, para já, o único mercado onde este modelo estará disponível para compra.

Xiaomi TV Stick 4K (2023)

Caso essa exclusividade se mantenha, arrisco a dizer que não ficaremos a perder muito. A única diferença de hardware deste modelo para o anterior está no seu comando, agora com quatro botões de atalho para os serviços Amazon Prime, Netflix, Disney+ Hotstar e de acesso rápido às apps.

No interior encontramos o mesmo processador Amlogic S905Y4 acompanhado por 2 GB de RAM e ainda 8 GB de memória interna. Conta ainda com suporte para Dolby Vision e Dolby Atmos para uma melhor experiência no consumo de multimédia.

Xiaomi TV Stick 4K (2023)

Outro pormenor que causa estranheza no novo Xiaomi TV Stick 4K é a presença do Android TV 11 como sistema operativo. Quando a maioria dos produtos deste segmento começam a migrar para o Google TV, a chinesa optou por manter esta versão do seu software.

Embora nada tenha sido esclarecido sobre o tema, tudo poderá estar relacionado com os mercados onde o produto será vendido. Em causa, uma possível comercialização na China, onde o Google TV ainda não se encontra oficialmente disponível.

O Xiaomi TV Stick 4K (2023) chegará ao mercado indiano com um preço a rondar o equivalente a 56 €. Importa sublinhar que ainda nada está definido relativamente à disponibilidade global deste gadget.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.