Ao efetuar uma compra através dos links deste artigo, o 4gnews pode ganhar uma comissão. Conheça o nosso processo de seleção de produtos.

Xiaomi Redmi Note 11: compra mais barato que em Portugal com portes grátis

Bruno Coelho

O Redmi Note 11 é o mais recente modelo base da linha de smartphones de maior sucesso da submarca da Xiaomi. Este apresenta-se como um equipamento bastante equilibrado nas características e no preço.

Na sua versão base de 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno, o Redmi Note 11 chegou a Portugal por 199,99 €. Mas por tempo limitado, podes adquiri-lo por apenas 182 € na Amazon de Espanha.

Sabe mais sobre preços e envios do Xiaomi Redmi Note 11

xiaomi redmi note 11

Ao comprares nesta loja online, podes desfrutar de um envio rápido e com portes gratuitos para Portugal. Além disso, tens os 3 anos de garantia legais disponíveis para equipamentos comprados na União Europeia.

Os detalhes do Xiaomi Redmi Note 11

Por este valor, o Redmi Note 11 apresenta-se como uma opção bastante segura e equilibrada. Aos 4 GB de RAM e 128 GB de armazenamento do modelo base junta-se o processador Snapdragon 680 da Qualcomm para comandar as operações.

Dispõe de um painel AMOLED de 6,43” polegadas com resolução Full HD+ e taxa de atualização de até 90Hz e taxa de amostragem ao toque de até 180Hz. Conta com certificação IP53 à prova de respingos, e um peso de 179 gramas.

O Redmi Note 11 tem uma bateria com 5000mAh de capacidade, e carregamento de 33W. Dispõe de armazenamento expansível via microSD, tem suporte para Dual SIM, NFC e infravermelhos. O sensor de impressões digitais foi colocado na lateral, e tem altifalantes estéreo e entrada para jack 3,5 mm.

Sabe mais sobre preços e envios do Xiaomi Redmi Note 11

Caso tenhas dúvidas de como comprar na Amazon de Espanha, consulta o nosso guia dedicado de compras nesta loja online.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.