Xiaomi POCO X4 Pro 5G: todos os segredos revelados antes da apresentação

Bruno Coelho
Comentar

O POCO X4 Pro 5G será um dos próximos smartphones da Xiaomi a chegar ao mercado. As fugas de informação sobre o equipamento sucedem-se, antevendo que será uma questão de semanas até chegar aos mercados globais.

Nas últimas horas foi partilhado um alegado papel de parede oficial do smartphone, e detalhes sobre a câmara do equipamento. Ao que indica o site Xiaomiui este terá uma câmara principal de 64 MP, com sensor Samsung ISOCELL SK5GW3.

POCO X4 Pro 5G terá uma grande diferença face ao Redmi Note 11 Pro 5G

Recorde-se que o POCO X4 Pro 5G é esperado como uma versão renomeada do já lançado Redmi Note 11 Pro 5G. E seria inicialmente esperado com a mesma câmara principal de 108 MP. Mas ao que tudo indica esta será uma das diferenças entre os modelos.

Ao lado dessa câmara principal de 64 MP estará uma lente ultrawide de 8 MP, e ainda uma lente macro de 2 MP. Esta informação foi nas últimas horas corroborada pelo leaker Yogesh Brar, que avançou com as restantes especificações do terminal.

POCO X4 Pro 5G•6.67" FHD+ sAMOLED, 120Hz•Qualcomm Snapdragon 695 5G•6/8GB LPDDR4X RAM•64/128GB UFS 2.2 storage•Rear Cam: 64MP + 8MP (UW) + 2MP (macro)•Front Cam: 16MP•Android 11, MIUI 13•5,000mAh battery•67W Fast Charging

— Yogesh Brar (@heyitsyogesh) 17 de fevereiro de 2022

O POCO X4 Pro 5G terá assim um ecrã sAMOLED de 6,67” polegadas com resolução Full HD+ e taxa de atualização de 120Hz. A comandar o smartphone estará o processador Snapdragon 695 5G.

Os utilizadores poderão contar com 6 ou 8 GB de memória RAM LPDDR4X e armazenamento UFS 2.2 de 64 ou 128 GB. A câmara frontal do equipamento de 16 MP estará localizada num punch-hole central.

O terminal vai ainda contar com uma bateria de 5000 mAh, com carregamento de 67 W. É esperado que chegue de fábrica com a MIUI 13, que ainda será baseada no Android 11.

A data de apresentação ainda está por revelar.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.