Xiaomi Mi6
O Xiaomi Mi6 custa aproximadamente 450€

Cerca de um mês após a sua apresentação oficial, o Xiaomi Mi6 já está a chegar aos consumidores, maioritariamente através das lojas online. O novo flagship da construtura chinesa destaca-se pelo seu preço reduzido e especificações de topo. Contudo, após um Mi5 bastante frágil será o que este ano teremos um smartphone mais robusto e durável?

Vê ainda: Top 5 Smartphones mais vendidos no primeiro trimestre de 2017

O Xiaomi Mi 6 conta com um ecrã IPS, resolução Full-HD (1080p) de 5.15 polegadas, o novo processador Snapdragon 835 da Qualcomm,  6GB de RAM e 64 ou 128GB de memória interna. Na traseira do Mi6 está um duplo sensor fotográfico de 12MP, enquanto que na parte frontal temos uma câmara de 8MP para as selfies, acima do ecrã. Sem esquecer o sensor de impressões digitais ou leitor biométrico, por baixo da tela.

   

Está na altura de comprovar a “fibra” do Xiaomi Mi6

Relembradas as suas especificações técnicas relembremos também as falhas catastróficas que o Xiaomi Mi5 sofreu às mãos do senhor Zach, o responsável pelo canal de YouTube mais conhecido como JerryRigEverything.

Começando pelo seu unboxing, a abertura da caixa, a violação do invólucro onde, surpresa surpresa, encontramos um smartphone e os respectivos acessórios (carregador, cabos, documentação legal, etc). Uma caixa simples mas elegante ao mesmo tempo, linhas simples e claras com alguma atenção ao detalhe. Sem esquecer o solene momento em que se retiram as películas protetoras. Assistamos:

Este canal tem crescido imenso graças aos rigorosos testes de durabilidade e resistência que constituem o âmago do seu conteúdo. Inúmeros smartphones passaram pela sua mesa e pelas suas ferramentas de tortura. Hoje é a vez do Xiaomi Mi6  provar o seu valor e mostrar que a marca está disposta a aprender com as valiosas lições do passado.

Este ano não existem metais questionáveis. O Xiaomi Mi6 não cede perante a força nem vemos o vidro a estalar. O equipamento consegue aguentar todo o teste de tortura e mesmo o seu ecrã só começa a riscar no mesmo nível em que os Samsung Galaxy S8, LG G6 e outros nomes bem conhecidos começaram a ficar com marcas no vidro. Contudo, o Xiaomi Mi6 dificilmente nos chegará para teste após a necessária análise ao Redmi Note 4X. Esta é a única conduta a seguir, colocando os interesses do consumidor sempre em 1º.

É de louvar quando uma marca consegue aprender com os erros ou, melhor ainda, ter a humildade necessária para dar ouvidos aos desejos e queixas dos consumidores. Vale a pena assistir até ao fim, o Xiaomi Mi6 surpreendeu-nos a todos, bem pela positiva! O seu preço, especificações, design e qualidade de construção são sem dúvida, impressionantes. Ponderas comprar um Xiaomi Mi6 ?

Outros temas relevantes:

Rocket League: nova atualização do jogo fica hoje disponível!

Vernee Thor E: Um smartphone que convence por 103€

Microsoft confirma que são já 500 milhões os utilizadores de Windows 10