Xiaomi Mi band 5 Pro poderá ser o modelo que todos estão à espera!

Filipe Alves
3 comentários

A Xiaomi revelou dois modelos da Xiaomi Mi Band 5. Porém, em Portugal, para já, temos apenas o modelo mais básico. Ou seja, sem NFC.

Contudo, o novo registo na FCC (entidade reguladora de tecnologia nos EUA) dá-nos a entender que uma Xiaomi Mi Band 5 Pro está a caminho. Pelo menos dos EUA. Ou seja, está a ser trabalhada uma versão Internacional. Agora, consegues adivinhar qual é?

Xiaomi Mi Band 5 Pro é a versão da Mi Band 5 com NFC

Xiaomi Mi Band 5

Ou seja, ao que parece, a Xiaomi poderá levar de forma oficial a sua Mi Band para os Estados Unidos. A grande diferença é que levará o modelo com NFC.

As grandes diferenças desta alegada Xiaomi Mi Band 5 Pro para a Mi Band 5 são poucos, ainda assim, relevantes para muitos utilizadores.

O modelo que lhe estamos a chamar "Pro", oferece-nos NFC, Spo2 e assistente virtual. Três funcionalidades que podem ser indiferentes para muitos utilizadores, contudo, que são importantes para outros.

O NFC por exemplo, é uma tecnologia que Portugal começa a adotar de forma mais vigorosa. Seja em pagamentos, passes de transportes públicos ou até "tags" NFC que definem perfis numa smart home.

O NFC é uma tecnologia que pode muito bem mudar a vida das pessoas, porém, não chega ao gadget contar com NFC. Ou seja, é preciso que os serviços também adotem a tecnologia e criem aplicações para variados gadgets. Esse é o nosso maior problema.

Será que a Xiaomi Mi Band 5 Pro chegará a Portugal?

Voltando à Xiaomi Mi Band 5 Pro. Sinceramente não me parece que a pequena pulseira venha a chegar ao nosso país. Para já temos o modelo "base" e ainda a Mi Band 4C e chega perfeitamente. Ainda assim, acredito que não venha a ser muito complicado comprares a versão com NFC e versão global na Amazon Espanha.

Por fim, aproveita para tirar todas as tuas questões da Xiaomi Mi Band 5 neste artigo.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.