Xiaomi acaba com este mito da tecnologia popular em Portugal

Rui Bacelar
Comentar

A pasta de dentes no ecrã dos smartphones não é uma solução milagrosa contra riscos. Em boa verdade, como a Xiaomi acaba de provar, em vídeo oficial, a aplicação da pasta dentífrica no vidro do smartphone pode fazer mais mal que bem.

Este é o mais recente truque, ou mito da tecnologia a ser desmentido por uma das maiores fabricantes de dispositivos móveis no mundo, com provas sólidas em vídeo. O objetivo? Prevenir danos ao própria ecrã ao tentar aplicar esta "mezinha" popular.

Xiaomi acaba com mais um mito da tecnologia com prova em vídeo

O "truque milagroso" foi testado pela Xiaomi, mostrando que a pasta de dentes, apesar de ter muitas aplicações, não deve ser usada fora do âmbito da higiene oral. Ou seja, esta pasta de dentes não repara o ecrã dos smartphones e acaba por fazer ainda pior.

Apesar de gradualmente este tipo de soluções caseiras não ser levado muito a sério, certo é que nos últimos anos, sobretudo em vídeos tentadores do TikTok e formatos similares, voltamos a ver a sua expansão. De modo a convencer as pessoas que têm em casa tudo o que precisam para acabar com os riscos no ecrã dos smartphones, estas soluções têm sido alvo de várias divulgações em vídeo.

Teoria desmentida pela Xiaomi

Xiaomi

Posto isto, a Xiaomi chamou a si a responsabilidade de acabar com este mito da tecnologia. A solução milagrosa que acaba por prejudicar o ecrã uma vez que na pasta de dentes, sobretudo nas branqueadoras, temos várias substâncias abrasivas.

Por outro lado, esta teoria tinha algum mérito, mas em circunstâncias muito específicas. Na prática, a ação das substâncias abrasivas da pasta de dentes conseguia remover uma fina camada de plástico que revestia o ecrã de vidro. Ora, isto podia ser o suficiente para atenuar o impacto visual de alguns riscos superficiais, ao essencialmente polir ligeiramente a superfície.

Porém, como prova o vídeo acima, após usar a pasta de dentes no ecrã, este ficou com os mesmos riscos, sem melhorias visíveis. Tem, certo é, um maior brilho, ao limpar a superfície e dar-lhe um ligeiro polimento, mas os riscos permanecem inalterados.

Pasta de dentes é alcalina e pode danificar o ecrã dos smartphones

A pasta de dentes é, regra geral, uma substância alcalina (PH acima de 7). Portanto, a sua aplicação pode danificar a camada de revestimento oleofóbico dos ecrãs dos smartphones. A película que lhes confere alguma resistência contra a gordura.

Na prática, esta proteção serve para impedir que impressões digitais ou gordura sujam no ecrã, acabando por ser removida pela ação da pasta de dentes. É, em suma, mais uma teoria que cai por terra, com a Xiaomi a encerrar definitivamente este mito.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com a atualidade tecnológica na 4gnews. Email: ruibacelar@4gnews.pt