Tens um smartphone Samsung e usas um Launcher? Vais gostar da novidade da One UI 2.5

Filipe Alves
1 comentário

A Samsung prepara-se para lançar uma nova atualização para os seus smartphones. A One UI 2.5 dará a possibilidade aos utilizadores de definirem a navegação por gestos mesmo com launchers instalados.

A nova One UI 2.0 e 2.1 chegou a todos os smartphones com Android 10. Ou seja, a One UI 2.5 será uma atualização a essas versões.

Lauchers nos smartphones Samsung serão compatíveis com gestos

Samsung Galaxy S20

Os gestos chegaram aos smartphones Samsung com o Android 10. Isto é, em vez de teres os 3 típicos botões na parte inferior do smartphone, conseguirás ter a possibilidade de o controlar por gestos.

Deslize para a esquerda ou direita para retroceder, deslize para cima para voltar à página principal e deslize para cima e aguentar para ter o multi-tarefas.

Esses gestos, neste momento, não são compatíveis com lauchers Android. Não temos muito bem a noção da razão, porém, parece que o problema será resolvido na próxima atualização.

Quando chegará a nova versão do One UI 2.5

Ao que parece, a nova versão do User Interface da Samsung deverá chegar com o Samsung Galaxy Note 20. Assim sendo, podemos presumir que a novidade do UI da Samsung chegará aos smartphones em meados de 2020.

Inicialmente espera-se que os topos de gama sejam os primeiros a receber a atualização, todavia, a Samsung já provou que está a fazer um trabalho fantástico nas atualizações de smartphones intermediários.

Em suma, é bom ver a Samsung a olhar para os seus utilizadores. Ainda que o One UI esteja melhor, há utilizadores que continuam a preferir a interação com um laucnher que estão habituados. Com a nova funcionalidade, todos terão a possibilidade de ter gestos mesmo com launchers de terceiros.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.