Sony Xperia 1 IV: flagship de preço elevado regista número decionante de pré-vendas

Mónica Marques
Comentar

Recentemente, a Sony revelou oficialmente o seu smartphone premium Xperia 1 IV, tendo aberto de imediato as pré-vendas do terminal.

Agora, o terminal está a chegar às prateleiras das lojas, mas o número de encomendas é decionante, registando apenas um terço do que foi alcançado pelo antecessor Xperia 1 III, no mesmo período de tempo.

Sony Xperia 1 IV chega ao mercado com um custo de 1.400 euros

"Pre-sales for the Sony Xperia 1 IV are only a third of those for the Xperia 1 III" pic.twitter.com/vtLQ0Gxhg7

— Anthony (@TheGalox_) 26 de maio de 2022

Há apenas algumas semanas, a Sony apresentou oficialmente o seu topo de gama Xperia 1 IV e agora o modelo acaba de ficar disponível nas prateleiras das lojas, depois de um período inicial de pré-encomendas.

Mas parece que as pré-encomendas do novo flagship da Sony ficaram aquém das expetativas. De acordo com informações agora divulgadas, o Xperia 1 IV apenas obteve um terço das encomendas que o seu antecessor conseguiu registar, no mesmo período de tempo.

Saliente-se que a Sony não confirmou esta informação, mas a verificar-se esta situação, os utilizadores europeus não estão a mostrar tanto entusiasmo com o novo flagship como revelaram com o modelo anterior.

De alguma forma, o custo de 1.400 euros com que o terminal chega ao mercado terá também afastado alguns potenciais interessados, uma vez que o modelo vem equipado com especificações de topo.

Especificações Sony Xperia 1 IV

O novo Sony Xperia 1 IV destaca-se, desde logo, pela sua poderosa parte ótica. A configuração de câmara traseira tripla inclui três sensores de 12 megapixéis, sendo que o sensor primário conta com 1/1,7 polegadas, o ultrawide com uma abertura de f/2.2 e um sensor telefoto com uma abertura f/2.3.

Aos comandos do terminal está o processador Snapdragon 8 Gen 1 emparelhado com 12 GB de memória RAM e com de até 512 GB de armazenamento UFS 3.X. Integra também um ecrã OLED de 6,5 polegadas com resolução 4K e uma taxa de atualização de 120 Hz.

O terminal chega a executar Android 12 e é alimentado por uma bateria de 5.000 mAh com suporte para carregamento rápido de 30 watts que, de acordo com a gigante japonesa, permite carregar 50% da bateria em 30 minutos.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.