Santander é mais um banco a aderir ao Apple Pay! Vê todos os bancos disponíveis

Filipe Alves
3 comentários

O Apple Pay começa a ser cada vez mais usual em Portugal. Aliás, em tempo de pandemia foi mesmo um incentivo do Estado e das empresas. O pagamento por contacless é uma vantagem e não o Apple Pay é consideravelmente mais seguro que com cartão visto que solicita a impressão digital ou o FaceID.

O Santander é o próximo banco em Portugal a ter a tecnologia. Na sua conta de Twitter foi revelado que o serviço estará disponível para os seus clientes em breve.

Santander anuncia Apple Pay aos seus clientes

@santanderpt e Apple Pay brevemente. pic.twitter.com/DlZEotI9Kp

— Santander Portugal (@santanderpt) 30 de junho de 2020

Infelizmente não foi referido quando é que a tecnologia estará disponível de forma oficial. Todavia, vimos no passado com outros bancos que depois da primeira revelação é uma questão de semanas até que fique totalmente disponível.

Assim sendo, o Santander é mais um dos bancos que nos dá a possibilidade der ativar o serviço de pagamento da Apple. Resta-nos saber quando é que a Google decide trazer o Google Pay para o nosso país também.

Todos os bancos com serviço Apple Pay

  • Bunq
  • Crédito Agrícola
  • Curve
  • FNAC (CaixaBank Payments&Consumer)
  • iCard
  • moey!
  • Millennium BCP
  • Activobank
  • Monese
  • N26
  • Openbank
  • Revolut
  • Santander (em breve)
  • TransferWise

A lista aumenta cada vez mais e são começa a ser mais relevante para o banco ter estes serviço no seu portfólio. Pessoalmente, sou um daqueles que aderi a um destes serviços para utilizar o Apple Pay no nosso país.

Já desde 2015 que utilizo este serviço (no Reino Unido) e tenho de admitir que me senti um pouco triste quando cheguei a Portugal e o meu banco não o oferecia. O Apple Pay é prático e seguro e se tens um iPhone e um banco compatível, atreve-te a experimentar.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.