Samsung Galaxy S7

A Samsung já passou por dias melhores, o Galaxy Note 7 apresenta problemas nas suas baterias o que leva à sua combustão e que ontem o levou a ser oficialmente descontinuado, no entanto, a marca tem que reconquistar os seus clientes já com o seu próximo flagship Samsung Galaxy S8, que provavelmente irá ser lançado em fevereiro de 2017 na MWC.

Vê ainda: Autonomia do UMi Plus é comparada ao Meizu M3 Note

   

Já foram caindo alguns leaks acerca do terminal, e recentemente surgiu uma nova fuga de informação vinda da China que nos diz que o Samsung Galaxy S8 virá com duas variantes, a versão base com um ecrã de 5.1″ polegadas 2K (QuadHD), e a sua versão phablet que virá com um ecrã de 5.5″ polegadas 4K (UltraHD). Espera-se que o modelo com ecrã superior venha ainda a albergar a tal dual-câmara que se tem falado.

galaxy-s7-agua-water

Surgiu também na rede social Weibo mais informações acerca das suas especificações que nos indicam que os próximos Galaxy chegarão com dois processadores de diferentes marcas, contudo, com o desempenho praticamente igual. Teremos uma versão com processador Qualcomm Snapdragon 830 e outra versão com o processador da marca Sul-Coreana, o Exynos 8895, à semelhança do que fizeram no Galaxy S7.

Estes novos rumores indicam ainda que a Samsung abandonará o S voice e incorporará um novo comando de voz chamado de Viv Al, desenvolvido pela Viv Labs, que foi recentemente adquirida pela Samsung. Para os mais desatentos, esta foi a empresa que desenvolveu a tão conhecida Siri para a Apple.

Como amante de produtos Samsung espero sinceramente que a marca não escorregue de novo com o seu próximo terminal, e que este infeliz problema que a marca teve sirva de lição para as restantes empresas do ramo.

Talvez queiras ver:

Samsung continua sem saber o que faz do Note 7 explodir

Caixa de devolução do Samsung Galaxy Note 7 resistente a explosões

Samsung aumenta a produção do Galaxy S7 para contrariar o fiasco do Note 7

 

ViaGsmarena
FonteWeibo

Sempre tive uma certa paixão por tecnologia, mas foi algo que se intensificou a cerca de um ano quando comecei a acompanhar mais o mundo mobile. Pretendo com esta colaboração trazer-te o melhor das novidades tecnológicas aqui na 4gnews!
Espero que gostem do meu contributo.