Galaxy Fold: eis o aspeto interior do smartphone dobrável da Samsung

Bruno Coelho

O Galaxy Fold chegou por estes dias às mãos dos mais populares reviewers por esse mundo fora. Envolvo em polémica pelos problemas associados ao seu painel, vemos agora disponível o primeiro teardown (desmontagem) feito ao dispositivo.

A frase é emblemática, e foi proferida pelo autor do teardown. “Nem parece que estou a desmontar um ecrã, mas sim a rasgar um pedaço de borracha”. Além disso, este atesta que o painel do Galaxy Fold é muito fácil de retirar, já que é bastante macio e maleável.

samsung galaxy fold teardown

Como vemos na imagem acima, o painel flexível de 7,3 polegadas foi completamente retirado. A película protetora saiu com danos visíveis, que nos dão uma ideia de como vários reviewers danificaram o ecrã ao removê-la do smartphone.

samsung galaxy fold teardown

As imagens revelam-nos detalhes do dispositivo, com as suas duas baterias. Estas proporcionam ao dispositivo 4380mAh. Além disso, vemos uma comunicação entre as duas metades do dispositivo feita pelo sistema de cabos e pela engenharia da gigante sul coreana.

Pode o Galaxy Fold ser o Note 7 2.0?

A grande dúvida quanto a este dispositivo continua a ser a sua resistência. Aliás, se assistires ao vídeo que colocarei no final do artigo, vais perceber que os problemas com o dispositivo não chegaram apenas de quem retirou a película protetora. E que esta não é assim tão duradoura.

samsung galaxy fold teardown

Ainda assim, se estes se revelarem apenas incidentes isolados, o fator novidade vai pesar na hora de os consumidores adquirirem este dispositivo de 2000€. Mas a julgar pelos primeiros exemplos, a Samsung arrisca-se a que o Galaxy Fold se possa tornar o Note 7 2.0. E isso não seria nada bom para a gigante sul coreana.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.