Alguns Samsung Galaxy A poderão trocar os ecrãs AMOLED por LCD

Carlos Oliveira
Samsung Galaxy A AMOLED LCD
Os Glaaxy A poderão ter um corte na tecnologia dos seus ecrãs

A Samsung é das poucas empresas que utiliza ecrãs AMOLED em quase todas as suas linhas. Os Galaxy A são companheiros fieis dos topos de gama da empresa neste campo, mas infelizmente os ecrãs LCD poderão vir a ser também uma realidade.

Se há coisa de que podemos elogiar a Samsung é dos seus ecrãs Super AMOLED. Estes são dos painéis com melhor saturação de cores do mercado. Se tens um equipamento da sul-coreana então sabes bem da diferença que se verifica face à concorrência.

Vê ainda: Samsung apresenta o seu novo smartphone económico com Android Go

Mas se hoje em dia qualquer empresa lança um topo de gama com ecrã AMOLED, o mesmo não se verifica nos gama média. Para que estes possam ter um preço mais apelativo, há que reduzir nos custos de produção.

Nesse sentido, muitas empresas optam pela adoção de ecrãs LCD. Por outro lado, a Samsung leva os seus Super AMOLED até para os gama de entrada, Galaxy J. Porém, as coisas poderão mudar brevemente.

Samsung Galaxy A trocam ecrãs AMOLED pelos LCD?

De acordo com a publicação ETNews, a Samsung poderá vir a mudar os ecrãs de alguns dos seus Galaxy A do AMOLED para o LCD. Convém frisar a palavra "alguns", uma vez que estes rumores sustentam que apenas dois modelos virão com este tipo de ecrã.

Com efeito, aquilo que é avançado é que os Galaxy A50 e A60 poderão chegar ao mercado com ecrãs LCD. Em contrapartida, os futuros Galaxy A30, A40, A70 e A80 virão com os habituais ecrãs Super AMOLED.

Ainda de acordo com o mesmo relatório, também a linha M poderá receber o mesmo tratamento. Esta última linha é ainda fruto de rumores, sem que se tenha materializado em nenhum produto oficial. Ainda assim, é especulado que se insira entre as linhas J e C.

As razões que poderão levar a Samsung a este corte na tecnologia dos seus ecrãs ainda não são conhecidas. Aliás, todas estas informações são meramente especulativas. Mas o principal propósito desta mudança poderá ter que ver os preços a que os equipamentos chegarão às lojas.

Mas se este corte nos ecrãs de alguns modelos da linha Galaxy A for avante, o mesmo poderá suceder em linhas mais económicas. Ainda que seja uma nota meramente pessoal, não acredito que os J mantenham os ecrãs AMOLED enquanto alguns A recebem um LCD.

Editores 4gnews recomendam:

Huawei investe 44,1 milhões de euros na Europa até 2021

Google deixa antever a apresentação para breve do smartphone Nokia 8.1

PlayStation 5: 6 Novidades que esperamos ver na nova consola

Fonte | Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.