Samsung devia usar apenas processadores Snapdragon. Eis o porquê

Rui Bacelar
Comentar

O youtuber Zack, responsável pelo canal Jerry Rig Everything, construiu um caso forte contra a utilização, por parte da Samsung, de processadores distintos nos Estados Unidos da América e no resto do mundo. Os seus argumentos compõe o vídeo.

Com os novos Samsung Galaxy Note 20 Ultra e Note 20 Ultra 5G a fabricante sul-coreana empregou dois processadores distintos. O primeiro, o Snapdragon 865+ para os EUA, com o segundo, o Exynos 990 da Samsung destinado às demais regiões.

Exynos vs Qualcomm, os SoC's dos Galaxy Note 20

O vídeo começa por explicar a abordagem da Samsung, com o processador da Qualcomm para a versão norte-americana, ao passo que o chip Exynos é utilizado na versão global. Em seguida, dá início a um ciclo de testes para comprara ambas os SoC's.

Executando vários testes de benchmarks e comparando as respetivas pontuações, Zach monitoriza também a temperatura alcançada por cada telemóvel Samsung. Desse modo, apura não só o desempenho dos processadores, mas também o aquecimento.

Colhendo várias métricas para avaliar ambos os vetores - desempenho e temperatura - as conclusões, ainda que não sejam consideradas científicas - são coerentes e consistentes, apresentando-nos um claro vencedor em todos os cenários.

Os chips Qualcomm mostram-se superiores aos Exynos

Em todas as rondas dos vários testes executados, a variante norte-americana do topo de gama Samsung mostra-se superior, terminando primeiro as tarefas e mantendo-se mais fresco. Ao mesmo tempo, Zack apresenta-nos as métricas.

Aliás, o apresentador chega ao ponto de desmontar ambos os telemóveis e trocar os sistemas de refrigeração, comparando em seguida os resultados de uma nova ronda de testes. Novamente, os benchmarks foram superiores com o chip Snapdragon.

Em Portugal a Samsung comercializa a versão global dos Note 20, por conseguinte, temos direito aos smartphones equipados com chips Exynos.

A Samsung continuará a usar diferentes processadores

A dicotomia entre processadores Exynos da Samsung e Snapdragon da Qualcomm já é bem conhecida e estudada sob diferentes aspetos e aplicações. São já várias as gerações de smartphones Samsung a adotar este modelo, gerando sempre preocupações.

O utilizador questiona-se, com razões para tal, sobre qual será a melhor versão do telemóvel Samsung a comprar. Ainda que a diferença de desempenho na vida real possa ser ínfima, certo é que existem diferenças entre ambas as versões.

A Samsung continuará a apostar neste modelo, mantendo a versão global com os processadores fabricados pela própria e, na versão norte-americana, manterá a aposta nos processadores Snapdragon da Qualcomm.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.