Realme 6s: o smartphone com ecrã de 90Hz por 200€ que faz tremer a Xiaomi

Filipe Alves
Comentar

A Realme acaba de lançar um novo smartphone com o nome de Realme 6i. Porém, é do Realme 6S que vamos aqui falar. Isto porque ambos são o mesmo equipamento. A diferença é que tem nomes diferentes para mercados diferentes.

O Realme 6S é um terminal seriamente a considerar se o teu budget para comprar um novo smartphone é de 200€. O telemóvel tem o valor de 199€ e a Realme envia para Portugal diretamente do seu website oficial.

Melhores características do Realme 6S

  • Ecrã de 90Hz com 6.5" polegadas
  • Câmara principal de 48MP acompanhada com mais 8MP + 2MP + 2MP
  • Sensor biométrico na lateral
  • Câmara frontal de 16MP
  • Excelente bateria de 4300 mAh
  • Carregamento rápido de 30W
  • Um bom processador (Helio G90T)

Não podemos desejar mundos e fundos de um telemóvel de 200€, contudo, este Realme 6S é um sério concorrente aos equipamentos de entrada e gama média da Xiaomi.

Xiaomi tem uma concorrente à altura com a Realme

Realme 6s

Vamos encarar as coisas como elas são. A OPPO só criou a Realme para combater os smartphones da Xiaomi. Principalmente os modelos Redmi. Ainda assim, a Realme oferece um portefólio vasto que vai desde terminais de entrada a topo de gama.

A Realme tem tecnologia OPPO no seu interior, ou seja, conseguem oferecer uma qualidade acima da média por um preço razoável. Este Realme 6S é o exemplo disso mesmo.

Em suma, a Realme está a atacar mais na Índia do que na Europa, todavia, a marca tem ganho uma popularidade incontestável no Velho Continente. Este Realme 6S é o perfeito exemplo de uma das razões para tal. Uma qualidade muito boa a um preço acessível.

Antes de ires, descobre os melhores telemóveis Xiaomi da atualidade. Mais ainda, vê os melhores telemóveis até 100 euros, baratos e bons para comprar este ano.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.