O tão antecipado Huawei P70 chega na primavera de 2024

Mónica Marques
Mónica Marques
Tempo de leitura: 2 min.

A série de smartphones P70 está a gerar bastante expetativa no mundo Web. As razões para isso acontecer estão diretamente relacionadas com o processador “made by” Huawei que vai integrar e com a sua supercâmara traseira.

Um novo rumor sobre esta série de smartphones avança agora que a sua apresentação oficial deve acontecer no final de março ou início de abril deste ano, mesmo por altura da primavera.

O processador Kirin 9010 Huawei P70

imagem do Huawei P60 Pro
O Huawei P60 Pro, antecessor da nova série, ocupou várias semanas seguidas o primeiro lugar do ranking DxOMark

É esperado que a nova série de smartphones P70 seja alimentada pelo processador Kirin 9010. Este chip será fabricado pela própria Huawei e deve incluir suporte para comunicações 5G. Recorde-se que dentro do seu mercado nacional, a China, a Huawei pode utilizar este padrão de comunicações móveis.

Outra das características deste processador proprietário da Huawei é que este será fabricado no processo de 7 nm. Tal acontece devido às sanções de que a Huawei é alvo e que a impedem de usar tecnologia mais recente, nomeadamente do processo de fabrico de 4 nm do Snapdragon 8 Gen 3 ou de 3 nm do A17 Bionic da Apple.

Outras especificações esperadas na série Huawei P70

A nova série da Huawei vai incluir três terminais: o modelo base P70, o P70 Pro e o topo de gama P70 Art. De acordo com informações divulgadas pelo analista Ming-Chi Kuo, o P70 Art vai incluir uma objetiva híbrida no seu módulo de câmara traseira.

Este tipo de objetiva é construído em vidro e plástico, o que torna mais resistente à deformação. Por outro lado, esta é também uma objetiva com um desempenho ótico acima da média. Atualmente, apenas o iPhone 15 Pro Max conta com uma objetiva híbrida com zoom tetraprisma na sua configuração de câmara.

De resto, espera-se que a nova série esteja também equipada com um ecrã que vai fornecer uma resolução de 1,5K. Já as dimensões do painel e restantes atributos, como por exemplo, a taxa de atualização, mantêm-se no segredo dos deuses.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. monicamarques@4gnews.pt