Novos AirPods poderão revolucionar ainda mais o seu mercado. Sabe porquê

Carlos Oliveira
Comentar

A Apple conseguiu criar uma linha de gadgets com enorme sucesso com os seus AirPods. Estes são já tidos como uma referência no seu nicho de mercado, mas isso não tem impedido a norte-americana de os melhorar todos os anos.

Segundo o mais recente relatório da Digitimes, a próxima geração de AirPods poderá trazer várias funcionalidades relacionadas com saúde. A ser isto verdade, a Apple prepara-se para se distanciar ainda mais da sua concorrência direta.

Novos AirPods poderão medir o teu batimento cardíaco e contar passos

O relatório da Digitimes afirma que a Apple contratou a empresa asiática ASE Technology para desenvolver novos sensores de luz ambiente para os novos AirPods. Os pormenores ainda não são muitos, mas fala-se que estes sensores poderão oferecer funcionalidades de saúde aos próximo gadgets da americana.

AirPods Pro

De entre as funções providenciadas por estes sensores de luz ambiente fala-se em monitorização de ritmo cardíaco, contagem de passos ou até detetar os movimentos da tua cabeça. Funções que há muito se especula que possam entrar no mercado dos earbuds, mas que ainda ninguém concretizou.

Este género de funcionalidades é já familiar da Apple, pois algumas delas já podem ser encontradas no Apple Watch. Transitá-las para os seus AirPods iria, uma vez mais, agitar o mercado de forma séria.

A verdade é que ainda custa perceber um pouco de que forma funcionalidades de saúde nuns earbuds podem ser uma vantagem para o consumidor. Todavia, a Apple é exímia a promover os seus produtos e acredito que se há alguém que consiga criar essa necessidade é ela.

Quando serão lançados estes novos AirPods

A fonte refere que só dentro de um ou dois anos é que veremos esta tecnologia no mercado. Este atraso certamente estará relacionado com o desenvolvimento da tecnologia e a preparação das linhas de montagem que isto se possa tornar uma realidade.

Quando se fala que a Apple possa apresentar uns novos AirPods ainda este ano, não esperes que estas funcionalidades sejam incluídas. Acredita-se que o próximo lançamento possa ser dedicado a uns gadgets mais acessíveis e, obviamente, estas adições não ajudarão a empresa a baixar o seu preço.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.