Nokia - um autêntico exemplo a ser seguido nas atualizações do Android

Rui Bacelar
Nokia Android atualizações
A marca voltou ao mercado dos smartphones em 2017 @cnbc

Atualizações de software e smartphones Android. Frase que habitualmente vemos associada às desvantagens desta plataforma móvel face à sua rival Apple e à plataforma iOS. Contudo, no panorama Android há uma marca, uma mítica empresa finlandesa que se destaca das demais. Falo da Nokia. Falo dos smartphones vendidos pela HMD Global.

Vê ainda: 23 Apps gratuitas na Google Play Store para o teu Android

Com efeito, desde que a HMD Global lançou o primeiro smartphone Nokia no início deste ano, por alturas da Mobile World Congress em Barcelona, que a atenção do público rapidamente se voltou para esta marca. Depois de um interregno após a separação da Microsoft, a marca volta a erguer-se.

Para se voltar a destacar no mercado dos dispositivos móveis, muito mais volátil do que na era dos telemóveis a Nokia precisava de um trunfo. Seria o preço baixo? Aí já temos imensas concorrentes de baixo custo. Veja-se a Xiaomi e a OnePlus que estão inundar o mercado. Seria a qualidade de construção? Atualmente já nenhuma marca relevante se atreve a descurar este aspecto.

Qual é o grande trunfo da Nokia?

Será pela autonomia de bateria? Por muito que tentem melhor autonomia ao "jogar" com os dois pratos da balança - capacidade de bateria e otimização do software (consumo energético) há um certo limite difícil de ultrapassar.

A barreira dos dois dias de autonomia é o melhor que se pode obter atualmente. A não ser que o tamanho - espessura dos smartphones aumente. Isso ou uma nova revolução tecnológica que nos traga novas baterias.

Será então pelo sistema operativo? Não, não vale a pena apostar numa alternativa ao Android e o iOS é um exclusivo da Apple. Posto isto, a Nokia aposta num parâmetro crucial, as atualizações deste sistema operativo.

Para que estas deixem de ser uma dor de cabeça ou autêntico motivo de chacota - face ao iOS, a Nokia lançou o seu trunfo. A garantia de atualizações periódicas e frequentes. O público aderiu e a marca está a cumprir a sua promessa. Queremos saber se isto se traduz num bom número de vendas e quota de mercado mas para tal teremos que esperar mais um pouco pelos relatórios oficiais.

Nokia 2 atualizações smartphone Android oficial autonomia
As cores do smartphone Nokia 2, não disponível no nosso mercado e uma das suas mais recentes apostas.

De qualquer forma, a Nokia foi a primeira a lançar a fase de testes Beta do Android Oreo. Foi a primeira - excluindo claro, a Google, a disponibilizar a versão final, estável e pública deste Android Oreo para os seus utilizadores. O Nokia 8 foi o embaixador e o nosso louvor tem que ser dado a esta "Marca Revelação de 2018".

Atualizações do Android é a grande aposta da Nokia

Qual OnePlus, qual Motorola? Se bem que a primeira já lançou esta atualização para os modelos de 2016, os novos equipamentos só agora é começaram a fase de testes beta. O mesmo sucede com a Motorola, a campeã em 2016 na distribuição do Android Nougat.

Com efeito, a marca prometeu atualizar todos os seus smartphones de 2017 para o novo Android Oreo. Conseguirá? Tudo indica que sim. A fase de testes já decorre há várias semanas para maioria destes equipamentos e até mesmo o Nokia 3, o mais modesto de todos os lançamentos deverá receber a atualização no início de 2018.

Desta forma, a Nokia está a envergonhar grandes marcas. Veja-se a Samsung. Os seus topos de gama só vão começar a receber a atualização durante o primeiro trimestre de 2018. O Nokia 8 já a recebeu.

Note-se que a Nokia tem poucos smartphones no seu portfólio, o perfeito oposto da Samsung. Mais ainda, uma utiliza Android no seu estado mais puro, ou quase. A outra utiliza uma versão bastante modificada do Android. A Samsung Experience e, como tal, necessita de mais tempo para preparar o novo firmware.

2017 ficará marcado como o ano em que a Nokia regressou ao mercado com os smartphones Android

Neste momento, em mercado nacional temos os Nokia 3, 5, 6 e 8. Existindo ainda o Nokia 2, a sua oferta mais económica e o Nokia 7, o seu equipamento de gama média mais recente. Sem esquecer, claro, o icónico telemóvel Nokia 3310 que já conta com uma nova versão, equipada com conectividade 3G.

Para quem gostar de um smartphone com um nome icónico. Com Android puro. Com boa qualidade de construção e um design apelativo, os seus equipamentos são uma ótima aposta. Podem não ser tão vistosos ou competitivos em certos mercados mas a garantia de boas e rápidas atualizações pode sem dúvida ser um fator capaz de convencer os consumidores.

A própria Forbes o diz, o compromisso entre a marca e o consumidor é um a longo prazo. Com um bom suporte oficial, com atualizações frequentes, é normal que os mercados comecem a respeitar a outrora magnânima Nokia. Resta saber que desígnios reservará 2018 para esta empresa.

A marca ainda tem um longo percurso pela frente. 2017 foi apenas o re-começar. O início de uma nova etapa, de uma nova Nokia. Uma que já está a liderar, pelo menos no que às atualizações do Android diz respeito.

E tu, acreditas num futuro de sucesso para a Nokia? Deixa-nos o teu feed-back abaixo, nos comentários.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Samsung Galaxy S9 e Galaxy S9+ terão margens ainda mais reduzidas

Apple iPhone – Sabe onde estacionaste o carro em Realidade Aumentada

Android Oreo – Lista dos Samsung Galaxy com direito à atualização oficial

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).