Microsoft volta atrás com a informação da chegada de Pokémon Go para Windows 10 Mobile

Filipe Alves

Bulbasaur pokemon-

A Microsoft está claramente atrás no que toca às aplicações do seu Sistema Operativo, a empresa Norte Americana não consegue incentivar desenvolvedores sejam eles mais ou menos conhecidos.

Vê ainda: Lenovo entra no jogo e anuncia smartphone Windows

Ontem publicamos um artigo que deu uma enorme esperança a todos os utilizadores Windows Phone mas que também adoram Pokémon. A aplicação Pokémon Go embora esteja constantemente com falhas tem sido um fenómeno mundial, contudo, apenas para users Android e iOS.

Pokemon Pickachu Crying GIF - Find & Share on GIPHY
Via GIPHY

A Microsoft Portugal respondeu a um comentário de um utilizador bastante chateado com a situação dizendo: "A aplicação que refere" (Pokémon Go) "chegará brevemente à Store do Windows Phone". Os responsáveis Portugueses da empresa Norte Americana rapidamente apagaram o comentário, seguindo com:

"Caros fãs, pedimos desculpa se o comentário publicado anteriormente vos induziu em erro. Temos efetivamente recebido pedidos para que esta aplicação fique disponível para Windows Phone. A Loja Windows está a avaliar opções que lhe permitam satisfazer este pedido da melhor forma possível. Prometemos manter-vos a par de qualquer evolução."

microsoft (1)Pois é caros amantes de Windows e Pokémon, parece que vamos ter que esperar sentados até a Microsoft tomar medidas.

Enquanto a minha esperança é neste momento que a Nintendo e Niantic resolvam o problema dos servidores, o desejo da Microsoft é que esta febre não passe disso mesmo e que a app caia no esquecimento em breve, ou as coisas podem piorar ainda mais.

(Obrigado pela dica nos comentários Rui Girão)

Talvez queiras ver:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.